E a explosão, Paulo Bento?

white corner field line on artificial green grass of soccer field

14 golos em 12 jornadas. O Sporting continua sem resolver os seus principais defeitos.

Sim, a equipa é extremamente bem organizada, toda a gente percebe sempre o que deve fazer, consegue uma boa gestão da posse da bola, e apesar de não ter a qualidade individual dos adversários directos, defende de forma unida e muito compacta, sendo a segunda defesa menos batida da Liga Sagres.

Sim, defender bem, é o primeiro passo para o sucesso, particularmente numa prova de regularidade. No entanto, não possuir, ou não utilizar jogadores com capacidade de explosão, numa liga onde os adversários, maioritariamente, se acantonam no meio campo defensivo, pode muito bem ser suficiente para não dar seguimento ao bom trabalho defensivo.

Izmailov e Moutinho, são fantásticos. Profissionais incríveis, com algum talento e características físicas interessantes (mas não a potência e velocidade), jogadores capazes de decidir bem, mas sem o condão de “abanar o jogo” quando tal é necessário.

Rochemback e Veloso, pela ausência de boas capacidades físicas jamais terão sucesso numa liga mais competitiva. Mesmo na Liga Sagres, a sua lentidão e a pouca disponibilidade com que se entregam ao jogo, chega a ser exasperante.

Romagnoli é muito dotado tecnicamente, para além de que decide bem. Contudo, a ausência de poder físico, torna-o, demasiadas vezes num jogador apenas razoável.

Pereirinha tem potencial. Parece faltar-lhe confiança.

Postiga e Derlei, compreendem e executam o jogo com alguma mestria. Desde que a baliza não esteja por perto. E como os jogos continuam a ser ganhos com golos…

Simon Vukcevic e até Yannick Djaló, parecem poder ser a chave deste Sporting. Ao montenegrino falta-lhe cultura táctica e empenho. Torna-se difícil a Paulo Bento justificar a sua entrada na equipa, em deterimento de quem cumpre com o que é pedido. O português, não percebo como não joga em tal equipa.
Mais que o mercado de Janeiro, o Sporting parece precisar que Paulo Bento consiga tirar rendimento de alguns jogadores que apesar de poderem acrescentar algo de diferente à equipa, têm somado poucos minutos.
P.S. – Jogar com Caneira nunca é positivo. Colocá-lo a lateral, também não é bom. No corredor esquerdo então…
Paolo Maldini
Sobre Paolo Maldini 2359 artigos
Criador do Lateral Esquerdo, é também professor no Estádio Universitário de Lisboa. Treinador de futebol, tendo almejado diversos titulos nacionais. Experiência como coordenador de futebol formação e palestrante em diversas Faculdades de Desporto. Autor do livro "Construir uma equipa campeã" da editora PrimeBooks.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*