David Luiz, trinco?

white corner field line on artificial green grass of soccer field
Os traços individuais são bastante bons. Fabuloso do ponto de vista físico (características que, inclusive, lhe valeram uma surpreendente comparação com Maldini) e bastante evoluído técnicamente, para aquela que é a realidade dos defesas centrais, David Luiz tem no seu principal defeito, a indisciplina táctica.

Quem sabe, se por ser jovem, se por não ter tido uma boa formação, as dificuldades por que passou, na última época, em termos posicionais, foram enormes.

Tal como Quique Flores (bastante elogiado pelos jogadores que compuseram o quarteto defensivo), também Jorge Jesus, não abdica dum posicionamento zonal, aquando do momento defensivo do jogo. Não evoluíndo, nesse aspecto, David Luiz, estará sempre longe de ser um jogador de nível elevado. Tão elevado, quanto o seu potencial indicia.

Como trinco, as responsabilidades tácticas continuarão a ser enormes. Sem bola, o respeito pelas coberturas defensivas, equilibrios e contenção aos adversários será decisivo. Para o processo ofensivo, a sua capacidade técnica (recepção e passe, essencialmente) e velocidade de execução, podem fazer de si, um jogador de referência.

Pelas suas debilidades tácticas (na ocupação dos espaços), David Luiz terá, actualmente, tanta apetência para jogar como defesa central, como para ser o médio mais defensivo da equipa. Determinante, será a sua evolução. A Jorge Jesus caberá potenciar as suas capacidades, especializando-o numa posição. Defesa ou Médio, indiferente (precisamente porque o background enquanto defesa central, não foi produtivo). Decisivo será, depois de feita a escolha, especializá-lo no modelo de jogo que pretende implementar.

P.S.- Naquele que poderá ser o ano zero da sua carreira, David Luiz, aparentemente, poderá ser mais útil como defesa central. É que Yebda, tornar-se-á indiscutível.

Paolo Maldini
Sobre Paolo Maldini 2364 artigos
Criador do Lateral Esquerdo, é também professor no Estádio Universitário de Lisboa. Treinador de futebol, tendo almejado diversos titulos nacionais. Experiência como coordenador de futebol formação e palestrante em diversas Faculdades de Desporto. Autor do livro "Construir uma equipa campeã" da editora PrimeBooks.

5 comentários em David Luiz, trinco?

  1. David Luiz pode perder-se um pouco como aconteceu com Meira e RRocha no Benfica. Sempre em mudança entre a posição de central e trinco (Meira) ou Lateral (RRocha). É importante que se decidam. A "burrice" táctica é desesperante, mas um bom treinador consegue trabalhar este aspecto. Tem a seu favor a apetência atacante, a força física e a técnica anormal para um defesa.

  2. Acho que o David Luiz tem imensas debilidades, enquanto central, não só em termos de posicionamento, mas também na leitura das jogadas e no tempo de entrada. Com Jesus, poderá melhorar em alguns destes aspectos, nomeadamente a nível posicional. É o que se espera. Como trinco, francamente, não me agrada. Não é só o mesmo defeito táctico que se lhe reconhece enquanto central. É também as más decisões com bola. Pouco me interessa um trinco tecnicamente dotado se aquilo que faz com a bola quando a tem raramente é o mais útil para a equipa. Assim, e como nesse aspecto entendo que é muito difícil melhorar a curto-médio prazo, penso que David Luiz deveria fixar-se como central e evoluir nessa posição, sabendo de antemão que, para já, parte muito atrás de Luisão e Sidnei.

  3. Porra yebda continua a não convencer, por várias razões:

    lento de movimentos, pouca disciplina táctica
    Não consegue sair a jogar com a bola controlada
    Faz só passes curtos, piois é tosco para os profundos
    etc

    Mas desde que o Mourinho o elogiou, tudo pode acontecer noutras mentes, mas tenho de aceitar.

    Para um jogo ou outro mais fisico, sim, para jogar como jesus joga com esse jogador a sair com a bola de trás, não vejo ele com futuro ai, mas mais Rubem Amorim, mas veremos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*