Liedson. Um temível goleador.

white corner field line on artificial green grass of soccer field

“É um jogador fabuloso na grande área. Mas, só na grande área. Liedson é jogador de um único toque. De finalização. É à largos anos, o melhor cabeceador do futebol português. Bem servido, é letal. Percebesse Liedson as suas limitações (abstraindo-se de participar na fase de criação, onde prende e perde em demasia a bola, e preocupando-se em jogar mais simples e mais rápido) e teria tido, seguramente, oportunidade de experimentar Ligas mais competitivas.”

Liedson parece mover-se no campo, somente com base na sua própria intuição. Se dentro da grande área parece ser o avançado perfeito, fora dela acumula erros que, demasiadas vezes, condicionam a fase de construção e criação de oportunidades de golo.

Apesar da situação de vantagem numérica (3×2), Ronaldo só tem opções de passe à sua direita. Do início ao final da sua jogada. Tivesse Liedson efectuado uma desmarcação pelas costas de Cristiano (aparecendo sobre o seu lado esquerdo), e a situação de 3×2, ficaria bastante mais fácil (Das duas uma. O defesa Hungaro seguia Liedson, e Ronaldo ficaria numa situação de 1×0. Isolado portanto. Ou, o mesmo defesa, manteria a sua posição, de contenção, face a Ronaldo, permitindo que este com um simples passe isolasse Liedson).

Centre a sua atenção, em Nuno Gomes e no comportamento do defesa que estava com Simão no início da jogada. Percebe agora, porque os avançados não se medem aos golos? No incrível golo de Simão, há também, muito, da inteligência de Nuno Gomes. O seu movimento (Desmarcação nas costas), conferiu o tempo que Simão precisava, para se libertar do defesa.

Tivesse Liedson a mesma percepção do jogo (saber que movimentos, e que timings para realizar as suas acções), que Nuno Gomes, e teria tido oportunidade de construír uma carreira notável. E não, na selecção portuguesa.

P.S. – Dificilmente, haverá melhor selecção nacional que a de Humberto Coelho. E, dificilmente, Rui Costa e Figo trocariam a presença de Nuno Gomes em campo, por qualquer outro aclamado goleador. Ao contrário do que é comum afirmar-se, para a selecção nacional, sempre que teve Nuno Gomes em campo, chegar ao golo, nunca foi um problema. Mesmo que Nuno nunca fosse o autor do toque final.

P.S. II – Só pela percepção que tem do jogo (e porque em Portugal, não há muita qualidade para a posição, claro), Nuno Gomes merece estar entre os convocados. Mesmo, não sendo a melhor opção para o 11 inicial.

P.S. III – Obrigado ao Nuno e ao Gonçalo do blog Entre Dez, de onde saiu a ideia original para este texto.

Paolo Maldini
Sobre Paolo Maldini 2366 artigos
Criador do Lateral Esquerdo, é também professor no Estádio Universitário de Lisboa. Treinador de futebol, tendo almejado diversos titulos nacionais. Experiência como coordenador de futebol formação e palestrante em diversas Faculdades de Desporto. Autor do livro "Construir uma equipa campeã" da editora PrimeBooks.

12 comentários em Liedson. Um temível goleador.

  1. parabens pelo blogue,sou visitante diario, aprecio muito as analises que faz.

    penso ser a primeira vez que comento no entanto..para dizer que concordo em absoluto com este post…ando à anos a defender a mais-valia que é ter o Nuno Gomes no Benfica, precisamente por todo o trabalho que faz em termos posicionais, naquilo que trabalha em prol do colectivo, nos espaços que cria e que na esmagadora maioria das vezes, ninguem da valor.

    é a eterna questão, só se aprecia o momento do golo ou o ultimo passe….movimento ofensivo , quando executado nao em rasgos individuais mas sim em trabalho colectivo é do melhor….é a garantia de que quando as individualidades nao resolvem, existe uma base que mais cedo ou mais tarde..dá frutos…

    tipo…primeira parte e segunda parte do DInamrca-Portugal…primeira, com trabalho colectivo, um tsunami ofensivo, sufocando dinamarqueses..segunda em prol de um "salvador"…dinamarqueses por cima..tivemos sorte, a individualidade resolveu…e quando nao resolve?

    O Ronaldo na omarca nem desiquilibra na selecçao à quanto tempo? numa equipa de futebol rendilhado que tinhamos,deu-se liberdade ao rapaz..ele foi resolvendo…agora que se perdeu a dinamica de grupo e ele nao resolve…como é?

    so uma opiniao…saudaçoes, continuaçao de boas postas!

  2. Basta ver porque jesus queria que nuno gomes ficasse no plantel. Lembram-se do benfica- marítimo e de quando este entrou ? Como o futebol ofensivo da equipa começou a fluir muito melhor. Gostava que Nuno Gomes fosse titular e secalhar poucos realmente sabem o que significa isso, ainda por cima por um naturalizado de 31 anos. É triste, tivéssemos Scolari, Manuel José ou Humberto Coelho no comando técnico e as opções seriam bem diferentes. Concordo plenamente com este texto, quando nuno gomes entra ou joga, é mais fácil que aconteça o golo seja dele ou não.

  3. Obrigado, PB, pela referência. É bom que haja quem perceba com facilidade a diferença abismal (e a importância disso) entre as movimentações de um jogador como Liedson e um jogador como Nuno Gomes.

  4. Falhou nesta analise.

    Valeu a tentativa.

    Uma informação!

    Sabe quem foi o jogador com mais assistências para golo no sporting na época passada(e o segundo na liga)?

  5. uma condição que deve ser tomada em conta na formação de um jogador é saber se para além de ser tecnicamente evoluído, é se este possuí cerebro que permita jogar o jogo 11×11… senão vai dar toques para o calçadão do restaurante "o Barbas"…

    Sem cérebro não há jogadores de futebol…

  6. Que belo texto! Há muito tempo que tinha dificuldade em perceber a importância do Nuno Gomes em campo, e este texto ajudou-me a perceber melhor.

    De realçar que o Nuno, na selecção, sempre foi GRANDE.

    Continuação de bom trabalho.

  7. Chegámos ao ponto de só se fazer publicidade a outras coisas?
    Acho que se deve comentar o que aqui é escrito. No fim, se for pertinente, como são algumas das petições, assina-se para alguém as ir ver.
    Deste post destaco aquilo que de há algum tempo para cá, por ler este mesmo blog, venho vindo a perceber, passe o pleonasmo, e que é sobre as movimentações de Liedson e dos avançados em geral, ou seja, futebol. Tenho vindo a aprender futebol. Espero mesmo que sejam técnicos na área, pois parecem ser bastante esclarecidos sobre o tema.
    Tenho gostado, como se deve notar no meu regresso diário…
    Continuação de «boas postas», como diz o outro.

    Márcio Guerra

    P.s.- Publicidade! Não deixe de visitar o meu blog de poker se gostar do jogo e quiser arranjar um dinheirinho GRÁTIS E SEM QUALQUER TIPO DE DEPÓSITOS para jogar online! Abraço!
    http://HoldUs.Blogspot.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*