A fraude e o defraudado.

white corner field line on artificial green grass of soccer field

“Uma decepção quanto a comportamento, atenção e a como se vive a profissão. Teremos que ajustar coisas e responsabilizar-nos pelo que se passou”;

“O que conseguimos até aqui não pode ir por água abaixo. Eu responsabilizo-me, mas tenho que procurar o tipo de jogador que não me defraude mais”. Quique Flores.

No seguimento deste post, vimos agora expressar o nosso lamento pelo facto do espanhol nunca ter tido a possibilidade de trabalhar com bons jogadores.

Flores, enquanto treinador, foi provavelmente, a maior decepção de que há memória. Continua a preferir ir ao fundo com as suas ideias originais, a trocá-las por um milímetro que seja. Quando assim é, são sempre os outros que estão mal e enganados.

Que não volte à Liga Portuguesa! Continuamos a preferir os que sendo mais limitados, são também bastante mais humildes.

P.S. – Quão interessante seria poder voltar atrás, ver o SL Benfica optar pela sua permanência e ter agora uma visão do que teria sucedido.

Paolo Maldini
Sobre Paolo Maldini 2348 artigos
Criador do Lateral Esquerdo, é também professor no Estádio Universitário de Lisboa. Treinador de futebol, tendo almejado diversos titulos nacionais. Experiência como coordenador de futebol formação e palestrante em diversas Faculdades de Desporto. Autor do livro "Construir uma equipa campeã" da editora PrimeBooks.

16 comentários em A fraude e o defraudado.

  1. Verdade seja dita que quique, com ou sem limitações, esteve presente na liga portuguesa em que o Benfica mais foi prejudiacdo pelos árbitros.

    Numa contabilidade assim por alto foram 16 pontos expoliados em erros de arbitragem sempre contra o Benfica (já tirando a vitoria em casa contra o braga então treinado por Jesus).

    Com o culminar no jogo no estádio do fcp onde um penalty inventado impediu o Benfica de lá sair na liderança isolada.

    Não se podem dissociar ambas as coisas.

  2. Foi você que escreveu?

    "Quique Flores, só por ter percebido que a compreensão do jogo, por parte dos seus jogadores, tem sido um dos maiores problemas do seu Benfica, já me permite catalogá-lo como melhor do que a maioria dos treinadores em Portugal

    De José Mourinho, é comum afirmar-se que transforma jogadores aparentemente banais em estrelas cintilantes. Pois bem, e que tem feito Quique de Jorge Ribeiro? de Maxi Pereira? de Amorim? até de Luisão! Imagine que o Benfica de Camacho entrava em campo com o mesmíssimo 11 com que Quique entrou no jogo de Coimbra. Pois. Ontem, em Coimbra, até Bynia pareceu um jogador diferente!

    A forma como compreende e explora os factores de rendimento, sempre com a parte táctica do jogo presente, tornam-o um treinador diferente, para melhor, relativamente ao contexto em que está inserido."

    Depois de ver, também eu sei dizer mal…

  3. O problema do Quique é que não é um lider. Não sabe liderar, não serve de exemplo, tem a passividade e a personalidade de um seguidor e não de um líder.

    Para liderar uma equipa de futebol, constituída por jogadores jovens, de sangue na guelra, fortes fisicamente e (quase sempre) com contas bancárias chorudas que lhes conforta a auto-estima tem de haver líderes de personalidade forte, que não tenham medo de dar um murro na mesa quando necessário e que saibam passar as suas ideias. Para que as ideias possam passar é necessário que os receptores dessas ideias as aceitem vindas de onde vêem. Para isso é necessário ter, como se diz em gíria, "os jogadores na mão". O Quique não os tem nos pés, quanto mais nas mãos. O líder tem de ter a química do líder.

    Para que os jogadores aceitem as ideias do treinador, estes têm de ser motivados a aceitar essas ideias. A motivação pode vir de muito lado. Dando um exemplo que os benfiquistas conhecem bem. Tanto o Aimar como o Saviola ou o Di Maria estão motivadíssimos. Porquê? Porque têm esperança de ir ao mundial. Eles deixariam a pele em campo mesmo que não tivessem treinador. Não é por acaso que o Saviola está a fazer um época excepcional. (Aqui que ninguém nos ouve: espero que o Maradona só o chame lá mais para o fim da época. lol).

    O jogador tem de sentir que está a ganhar algo ao aceitar as ideias do treinador, seja pelas ideias novas, pela inovação táctica, pela motivação extra (mundial), aumento de ordenado, novos métodos de treino, etc, etc. Mas se o treinador não conseguir "agarrar" os jogadores – se não conseguir que eles olhem para cima – com a sua personalidade, o trabalho poderá não ser optimizado e não atingir os efeitos desejados. Se a química do líder não funciona na relação com os jogadores, nada a fazer.

    Os humanos podem-se convencer e motivar a realizar feitos extraordinários. Se até os animais se treinam a fazer coisas extraordinárias… Tudo depende do treinador… e do meio envolvente, também.

    Saudações Benfiquistas

  4. ^Sim. Sim. Fui eu q o escreveu.

    Dai, agora o "Flores, enquanto treinador, foi provavelmente, a maior decepção de que há memória."

    É obvio q é preciso ver, para se saber se há qualidade. Só o Professor Bambo adivinha.

    De qq dos modos, ainda com o Benfica À frente, já Quique era bastante desconsiderado por aqui…

    Nas etiquetas, é possível ver-se 3 magnificas sugestões, que Quique nc seguiu.

    – Ocupar a posição à frente dos centrais;
    – Colocar Aimar de frente para o jogo;
    – Abusar dos apoios frontais dos avançados, em deterimento, da profundidade.

    Curioso, q sao 3 imagens de marcas do actual Benfica de JJ!

  5. A diferença é obviamente abissal. O rendimento que os jogadores têm agora contrasta com a apatia de então.
    As movimentações da equipa, o número de passes trocados.

    Lembro-me de nos últimos anos divertir-me (sic) a contar o número de passes que o Benfica trocava antes de perder a bola. Raramente passava dos 5 no meio campo adversário.
    Quando faço o mesmo exercício esta época é natural o deleite. Veja-se a jogada, se não me engano do primeiro golo do Benfica ao Nacional no campeonato. Deliciosa. Veja-se a jogada do segundo golo ao Shaktar na pré-época. São exemplos de como a equipa pensa toda da mesma forma, alinhando pelo mesmo diapasão. Processos simples só ao alcance dos mais inteligentes.

  6. O Benfica ia à frente, mas já tinha dado barraca em tudo o que nao era campeonato.

    O jogo com a Académica foi em final de Novembro, o 15º da temporada oficial e, por aqui, Quique ainda era um grande treinador… Sao 1350 minutos!

    E se nao fosse a derrocada em Atenas, suspeito que haveria de continuar mais uns tempos…

    Compreende-se a desilusao, mas tambem nao e muito coerente dizer agora que o treinador e uma fraude.

    Parece uma sequencia um bocado do tipo Rui Santos… e todos sabemos que voces sabem bem mais de bola do que o geloso da verdade desportiva…

  7. lol parece k apanharam o gato com o rabo de fora. tal como é habitual fartaram-se de elogiar porque era do benfica, agora pensavam k o pessoal se esquecia e desancam a torto e a direito.
    a continuar assim se calhar daqui a 1s anos vão criticar o jesus e elogiar o hulk!
    k grande ownanço!!!

  8. se há traço comum a uma larga maioria de anónimos, é o facto de serem burros que nem cacho de uvas 🙂

    Como burros que são, têm imensas dificuldades de interpretação. Claro.

    Qt à possibilidade de elogiar o Hulk, essa é bem real. Desde que ele ganhe ou use um cerebro. Porque nao?

  9. PB, eu ja vos digo ha mt. Deviam bloquear os comentarios dos gajos acefalos!

    PARA QD O BLOQUEIO AO ANDRADE? É PRECISO UMA PETIÇÃO PARA LIMPAR OS ANDRADES AQUI DO SITIO?

    a proposito, se n gostam pq voltam? GENTXI BURRA NE?

  10. e para variar fica 1 penalti por marcar contra o benfica… ja vai em quantos 12, 13 ou mais?
    nao joga david luiz mas miguel vitor tambem tem impunidade!

  11. o quiqui é burro como uma porta e o pior e q tinha a mania q é bom. Inventava smp, metia centrais a laterais, metia cardozo no banco, metia "balboas" qd estavamos a perder.. enfim! Ja a minha mae dizia q por espanha nem bom vento e nem bom casamento Ehe

  12. Bom, o que eu sei é que não foi isso que vi no BIMBOSFERA. Sim, lá o que dizem do Quique não é bem o mesmo!!!

    http://Bimbosfera.blogspot.com

    A minha opinião também se foi degradando ao longo do tempo, mas devo dizer que era apologista de o deixar ficar mais uma época no Glorioso, para ver se sim, se era do cú se das calças. No entanto podemos dizer que se não ganhou no ano passado, que era como limpar o cú a bebés, com aquele começo do Porto, a levar nas orelhas de tudo quanto era lado, tanto mais que até fomos campeões de inverno e este ano não, aliás, passámos o Natal em primeiros e começou a derrocada no ano passado com a entrada do ano, e… Bem, sei que era da opinião que contratos são para cumprir, que ele deveria ficar até ao fim.

    No entanto Jorge Jesus está a provar, até agora, que o que tem é muito saber, seja com o tipo de liderança que for, e que isso passa para os jogadores. Este ano temos hipóteses, neste momento mais do que há precisamente um ano, e que se lixe a taça da cerveja, prefiro ser eliminado do que andar lá a passar vergonhas sendo ajudado por árbitros para andar a semana toda, perdão, o ano todo ou mais, a levar com sportinguistas e portitas a falarem de uma porcaria de uma decisão qualquer que nos beneficiou e que somos os maiores ajudados de arbitragens que existe por aí por causa disso.

    Há uma teoria de um professor meu, ex, pois já não estudo, que isto só muda quando o Sporting quiser mesmo ser campeão, lutar para ser campeão sem andar aos caídos do Porto, sobretudo agora que já nem o segundo lugar dá liga dos campeões…

    Vamos lá a ver. Espero que isto mude, que o Braga passe a sofrer a pressão de andar lá em cima, como acontece com os grandes há… bem, sempre, e que se ressinta dessa mesma pressão rapidamente, para o Benfica ascender como deve ser ao primeiro lugar. Aliás, bem medidas as coisas isto se calhar só deveria mudar lá para a altura em que recebemos o Braga, mudar a tabela de vez. Em relação ao Porto, bem, espero que aquilo demore a compor-se, que as coisas deixem fluir o jogo do Glorioso, mas creio, sinceramente, que Pinto da Costa irá movimentar os seus «cordelitos» para que a ordem «natural» das coisas volte a reinar. Infelizmente é a ordem dele, e não a dos benfiquistas, com o Glorioso em primeiro, será mais um desalojar do Braga e um «massacrar» o Benfica para acabar com a fantasia rapidamente…

    Vamos a ver, como diz o ceguinho.
    Abraço a todos e obrigado por seguirem o meu blog (PB obrigado!)

    Desculpem o tamanho! Sou assim, grande… Heheheh!

    Bimbosfera (Márcio Guerra)

    P.s.- Passem lá, no Bimbosfera, notícias sempre fresquinhas! As confusões com o Qatar andam em alta! Abraço a todos!

    http://BIMBOSFERA.blogspot.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*