Curta táctica do clássico.

white corner field line on artificial green grass of soccer field

Se o primeiro princípio defensivo do jogo é a contenção (colocação de um jogador entre o portador da bola e a sua própria baliza), o segundo é o da cobertura defensiva (colocação de um defesa entre quem faz a contenção e a sua própria baliza). O objectivo da cobertura é claro. Precaver a eventualidade de o colega ser driblado.
Nas equipas cujo método defensivo passa pela marcacação HxH, tais coberturas ficam geralmente a cargo do defesa central livre. O líbero.
Equipas mais evoluídas defensivamente organizam a sua defesa com base em referências zonais. As referências para ocupar o espaço são os próprios colegas de equipa e a posição da bola. A forma de contrariar possíveis situações de 1×1, sempre vantajosas para os avançados, por norma mais rápidos e melhores jogadores que os defesas (nem todos, claro), passa por formar uma linha defensiva atrás do jogador que está em contenção. Ou seja, não recua somente o líbero, mas restantes colegas do sector.
O objectivo é garantir que traçando uma linha paralela à linha de fundo, que passe pela posição do defensor em contenção, essa linha jamais deverá ser a última linha da equipa (a excepção prende-se quando o portador da bola está demasiado próximo da linha de fundo.


FC Porto 1-1 SL Benfica

Simão | Myspace Video

Paolo Maldini
Sobre Paolo Maldini 2359 artigos
Criador do Lateral Esquerdo, é também professor no Estádio Universitário de Lisboa. Treinador de futebol, tendo almejado diversos titulos nacionais. Experiência como coordenador de futebol formação e palestrante em diversas Faculdades de Desporto. Autor do livro "Construir uma equipa campeã" da editora PrimeBooks.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*