FCP versão Paulo Fonseca

Nos lances de transição (ofensiva/defensiva) é difícil que a equipa jogue junta e compacta. Mas em organização, onde há tempo e espaço para os jogadores se colocarem em posições chave, a ocupação dos espaços deve ser equilibrada para que a equipa jogue sempre ligada. Deve ocupar de forma racional os espaços em largura e em profundidade. Uma equipa como o FCP depender, sobretudo, de lances onde os jogadores estão em inferioridade ou igualdade para fazer golos, é uma lástima. A ocupação do corredor central, quando a bola está nos corredores laterais (na posse do FCP ou do adversário), é péssima. A distância relativa entre os jogadores (sectores), já não existia há muito. Nem com  Jesualdo. Incrível como contratar o treinador certo é o primeiro passo para o sucesso de uma instituição. E por sucesso não se entenda títulos. Entenda-se aproximar a equipa dos títulos, sustentado por uma organização colectiva de qualidade.

Paolo Maldini
Sobre Paolo Maldini 2366 artigos
Criador do Lateral Esquerdo, é também professor no Estádio Universitário de Lisboa. Treinador de futebol, tendo almejado diversos titulos nacionais. Experiência como coordenador de futebol formação e palestrante em diversas Faculdades de Desporto. Autor do livro "Construir uma equipa campeã" da editora PrimeBooks.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*