Se quisesses que o Herrera jogasse, que dirias? Guardiola prepara o ataque à semi final.

“Herrera é um jogador fantástico. Fisicamente é muito forte. Parece lento, mas é muito potente. O Porto tem bom olho para contratar jogadores de bom nível. Herrera é um deles” Pep Guardiola.
Portugal acordou eufórico com os elogios de Guardiola à última linha do Benfica. “O Benfica tem uma super organização defensiva e uma linha de quatro defesas como há muito não via”.
Não vamos aqui agora discutir méritos ou deméritos do trabalho defensivo da equipa de Rui Vitória. A verdade é que quando decidiu baixar linhas mantendo toda a gente atrás da linha da bola como fez em alguns jogos demonstrou grande capacidade para manter a sua baliza praticamente livre de ocasiões de golo. Foi assim em Braga, na Russia ou em Alvalade, por exemplo. Independentemente de se crer que há ou poderá haver menos qualidade no trabalho do pormenor (distâncias entre jogadores, distâncias para linhas de cobertura, ou de controlo da profundidade), importa debater as afirmações de Guardiola.
Flashnews para os tontinhos. Os treinadores em público não dizem realmente o que vai na alma. Jogam antes com o que lhes poderá ser favorável.  Preparando os seus jogadores e o seu público para a adversidade… Pelas ruas da baviera esperam-se facilidades e muitos golos na eliminatória. Alguém duvida de que para os alemães foi uma felicidade ter saído o SL Benfica porque as probabilidades do Bayern chegar novamente à semifinal como que multiplicaram?! Então, que melhor do que quem está dentro do processo, para não criar ansiedades se os golos não começarem a surgir cedo e aos magotes, que preparar o público para um jogo que antes das declarações de Guardiola não esperaria? Um possível jogo de paciência perante um adversário que vai sempre defender com todos atrás da linha da bola e bem próximos? Se há meia hora em Munique o nulo persistir, a frustração será agora sempre menor para os alemães. E com isso, mais fácil manter o foco e o plano de jogo.
Vale muito a pena ouvir os melhores treinadores do mundo. E ainda esta semana tenho tido a possibilidade de saber muito mais… Mas é sobretudo quando falam em privado…
Marco Van Basten
Sobre Marco Van Basten 85 artigos
Licenciado em Desporto, treinador Uefa Pro pela FA. Desde cedo partiu para terras de sua majestade. Experiência como professor e treinador numa Academia no Reino Unido.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*