O menino já lá chegou

Um ano após as primeiras presenças na primeira liga. Um ano após lhe traçar o potencial e o destino, ai está a estreia do miúdo atrevido do Sporting na selecção de todos nós.

Não enganava, mesmo que tantos olhos estivessem centrados noutros colegas.

Aquele talento todo, aquela personalidade própria de quem nasceu para ter sucesso. Aquele jeito desenvergonhado de quem adora serpentear e maltratar os adversários, chega à selecção nacional numa altura em que a Europa já coloca os olhos, também em si.

Passaram demasiados anos sem formarmos um driblador desta categoria. Numa era onde tantos insípidos valorizavam somente os relógios, as decisões e gestos simples, onde ser driblador, onde provocar desequilibrios no individual parecia algo de errado, Gelson provará que o tempo dos atrevidos nunca cessará. Afinal o “drible é a essência do futebol” aos olhos de loucos que de futebol tudo sabem como Marcelo Bielsa.

Paolo Maldini
Sobre Paolo Maldini 2359 artigos
Criador do Lateral Esquerdo, é também professor no Estádio Universitário de Lisboa. Treinador de futebol, tendo almejado diversos titulos nacionais. Experiência como coordenador de futebol formação e palestrante em diversas Faculdades de Desporto. Autor do livro "Construir uma equipa campeã" da editora PrimeBooks.

10 comentários em O menino já lá chegou

  1. Parabens a Gelson, que tenha muita sorte e pes bem assentes.
    Falar de Gelson e lembrar Ronaldo, Quaresma, Nani… futebol de rua e falar de futuro. Gelson faz lembrar aquele miudo que quando chega um jogo todos querem na sua equipa, é aquele que muda um jogo e da SHOW.
    Espero que saibamos retirar todo proveito dele antes de o vender, mais nao que isso lhe custe dar um salto na carreira.
    Gelson tem condicoes de crescer e muito, mais ainda nao vejo em que equipa(treinador) se enquadraria melhor, mais para aqueles que melhor vem futebol, deixa aqui uma questao. Qual a melhor equipa(treinador) Gelson se daria melhor?

    • Neste momento, JJ.

      Vai dar-lhe responsabilidade imensa no processo ofensivo, e vai ser obrigado a defender muito muito bem.

      E no final da epoca vale facilmente 30, 35M

        • Nao sera facil apontar um clube, mas posso tentar um contexto.

          Treinador que lhe ensine outras coisas, espaco no plantel para jogar, mas que nao seja titular de caras, campeonato que lhe retire tempo e espaco.

          Para ele continuar a crescer, este devera ser o caminho. Isto pode ser um Dortmund, ou mais 2 ou 3 equipas na alemanha. Podem ser uma ou duas em italia, talvez 4 equipas em espanha e mais 2 / 3 em inglaterra.

          Nomes nao vale a pena falar, porque hoje em dia o envolvimento muda muito depressa.

  2. Já em júnior de 1º ano quando o picaretas do Abel o colocava a defesa-direito me chamava muito à atenção.
    Não estava sinceramente à espera desta evolução, pensei que se perdesse como outros tantos dentro do seu perfil…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*