“MarsBet”

Filipe Augusto, quatro anos e algumas lesões importantes depois.

FUTEBOL - Filipe Augusto, no jogo amigavel Rio Ave vs Vallodolid. Estadio dos Arcos. Domingo, 12 de Agosto de 2012. (PAULO ESTEVES/ASF)
“Tem dezanove anos e impressiona pela maturidade.
Mesmo jogando num clube que passa demasiado tempo em situações defensivas, destaca-se pelo critério com que joga sempre que tem a posse. Não perde uma bola. Pressionado ou não, pisa, segura, joga sempre positivo. Ajuda sempre a equipa a sair com qualidade para o contra-ataque. À excelente tomada de decisão, alia muita qualidade técnica, pelo que não encontra dificuldades em colocar no relvado o que a mente lhe sugere.
Defensivamente percebe-se o posicionamento e a agressividade com que se movimenta. Filipe Augusto construirá certamente uma carreira importante. Tem lá tudo. E é muito difícil encontrar tanta qualidade em jogadores daquela idade.”

Paolo Maldini
Sobre Paolo Maldini 2706 artigos
Criador do Lateral Esquerdo, é também professor no Estádio Universitário de Lisboa. Treinador de futebol, tendo almejado diversos titulos nacionais. Experiência como coordenador de futebol formação e palestrante em diversas Faculdades de Desporto. Autor do livro "Construir uma equipa campeã" da editora PrimeBooks.

8 comentários em Filipe Augusto, quatro anos e algumas lesões importantes depois.

  1. Tudo verdade! Sou fã. Mas…

    Desiludiu-me em Braga e não está a fazer por chegar lá acima. Chega como contrapartida por uma venda importante do empresário que o representa. É o futebol.

  2. E é este o jogador que o Benfica precisa agora? Especialmente depois de despachar Danilo, que me parece um jogador no mesmo molde, mas melhor.
    Duvido sinceramente que Felipe Augusto pegue. Espero enganar-me.

  3. Não sei como vem parar ao Benfica, é tudo meio inexplicável. Qualidade, não tem. Há miúdos na B com muito mais potencial, desde logo o Pepe ou o João Carvalho. Pode ter para outras coisas, mas para o Benfica não tem. E isto depois de sair o Danilo, para agora o Benfica contratar este. Para quê? O denominador comum é Jorge Mendes. Helas! E suspeito que ainda vamos ver o Benfica pagar 15 milhões pelo Danilo.

    • Caro Edson Arantes do Nascimento

      O Pepe e o João Carvalho brincam muito nas selecções, já o Filipe Augusto raramente brincou nas selecções.

      Este é mais um exemplo/argumento que se enquadra na minha teoria.

  4. Alternativa, a falta de agressividade de Pizzi?

    «É claramente um oito, tem grande qualidade técnica, um pé esquerdo fabuloso. Lida muito bem com situações de pressão, é muito forte ao nível do passe e inteligente do ponto de vista tático», descreveu, identificando as diferenças entre os dois jogadores:

    «Pizzi é mais dinâmico, mais rápido; Filipe Augusto é mais posicional, um jogador mais de passe.»

    «O Benfica contrata um bom jogador e um homem muito responsável», resumiu Paulo Fonseca.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*