“MarsBet”

Um jogo de jogadores. Em Guimarães e na Luz.

É inegável a influência dos treinadores nos jogos. Influência que todavia é sobretudo delineada ou notada, durante a semana, na forma como se prepara modelo de jogo, e estratégia para cada jogo específico.

Há porém que perceber que por melhor preparada que esteja uma equipa pelo seu mentor, a equipa será sempre falível porque são humanos que jogam o jogo. Ou o contrário. Por menor preparo que sofra, se tiver jogadores francamente melhores, as probabilidades para vencer continuam a ser altas.

Sobre os treinadores dos clubes grandes, tende sempre a opinião pública a tê-los como principais responsáveis quando o fracasso surge. E tantas vezes, o que separa o sucesso do fracasso não é a forma como o treinador prepara a sua equipa, mas as individualidades que tem ao seu dispor.

Na defesa, o Piccini, o Mathieu e o Coentrão são jogadores muito seguros, não têm excessos de emoção. Esta experiência dá tranquilidade à equipa e aos jogadores mais jovens.

Jorge Jesus

Como pode um treinador controlar factores mentais tão próprios de cada individualidade?

E as diferenças de um plantel de milhões para todos os outros. A perda de um elemento do onze inicial, é colmatada por outro que provavelmente seria o melhor jogador da equipa, se estivesse do outro lado

A equipa do Belenenses até quis pressionar essa zona (onde Augusto aparecia), mas os jogadores sentem que as oportunidades surgem a qualquer momento e sempre que são chamados dão resposta positiva.

Rui Vitória

Paolo Maldini
Sobre Paolo Maldini 2855 artigos
Creator of the "Lateral Esquerdo", is also a teacher at the University Stadium in Lisbon. Soccer coach, having conquered several national titles in Portugal. Experience as soccer coordinator, and lecturer at various Sports Universities. Author of the book "Build a champion team" from the publisher PrimeBooks.

1 comentário em Um jogo de jogadores. Em Guimarães e na Luz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*