Carrega Hulk

white corner field line on artificial green grass of soccer field
Não me foi possível ver o FC Porto. O jogo está gravado, mas não é certo de que o possa ver mais tarde. Vi o resumo, todavia.
Tudo o que no presente texto for afirmado é portanto, facilmente alvo de desmentido, e a caixa de comentários está ai para isso mesmo.
No resumo alargado que me foi possível visualizar, deu a sensação de que uma percentagem avassaladora dos ataques / oportunidades do FC Porto, foram fruto de jogadas individuais de Hulk, que trazendo a bola da direita para o meio, acabou a rematar de meio do meio campo.
Depois do resumo visto, a primeira preocupação foi espreitar o onze inicial do FC Porto. Belluschi de fora, como suspeitei.
Não sei qual será a ideia de Vitor Pereira, e não sei se não estarei a ser injusto, contudo, se no FC Porto se pensa que se pode voltar à formula antes Villas Boas, em que Hulk jogava sozinho (na altura por livre vontade, agora, provavelmente porque Vitor Pereira não consegue condicionar o jogo a seguir por outro lado), talvez seja boa ideia parar para pensar bem no que se pretende.
P.S.- A caixa de comentários está ai. Seguramente que quem pôde ver o jogo, pode confirmar ou desmentir esta tendência.
Paolo Maldini
Sobre Paolo Maldini 3404 artigos
Criador do "Lateral Esquerdo", tendo sido como Treinador Principal, Campeão Nacional Português (2x), vencedor da Taça de Portugal (2x), e da Supertaça de Futebol Feminino, em três anos de futebol feminino. Treinador vencedor do Galardão de Mérito José Maria Pedroto - Treinador do ano para a ANTF (Associação Nacional de Treinadores de Futebol), e nomeado para as Quinas de Ouro (Prémio da Federação Portuguesa de Futebol), como melhor Treinador português no Futebol Feminino. Experiência como Professor de Futebol no Estádio Universitário de Lisboa, palestrante em diversas Universidades de Desporto, e entidades creditadas pelo Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ). Autor do livro "Construir uma Equipa Campeã" da PrimeBooks. Analista de futebol na TV e no Jornal Record.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*