Como Rui Vitória fechou o jogo em Alvalade

Benfica's head coach Rui Vitoria reacts during the Portuguese First League soccer match against FC Porto held at Dragao stadium in Porto, Northern of Portugal, 20 September 2015. FERNANDO VELUDO/LUSA

Pela primeira vez nos últimos dois anos o Benfica foi capaz de controlar sem grandes dificuldades ao longo de quase toda a partida o seu adversário nos derbys.

Depois de almejado o empate, mudou para tornar a equipa mais segura defensivamente, Rui Vitória.

Crónica “Lateral Esquerdo” no Jornal Record – Aqui.

Paolo Maldini
Sobre Paolo Maldini 2924 artigos
Creator of the "Lateral Esquerdo", is also a teacher at the University Stadium in Lisbon. Soccer coach, having conquered several national titles in Portugal. Experience as soccer coordinator, and lecturer at various Sports Universities. Author of the book "Build a champion team" from the publisher PrimeBooks.

18 Comentários

  1. Rui Vitória altamente consistente. Caminha a passos largos para dominar todas as variantes. Adivinham-se tempos duros para Porto e Sporting.

  2. Já o fazia em Guimarães com relativa qualidade.

    Se não tem caído o golo do céu como iria ele procurar inverter a situação com Rafa e Cervi já sem gasolina? Isso sim seria algo inovador para alguém que tem sobrevivido à conta da qualidade individual dos intervenientes…

    O inicio da segunda parte foi dos jogos em que o Benfica pior controlou a profundidade em Portugal desde há muito tempo. E isto com Grimaldo, Lindelof, Luisão e Nélson.

    • Acho piada alguém que justifique a exibição do Benfica, como ” Um golo caído do céu “. As jogadas dos 3 penaltys que ficaram por assinalar, também devem ter sido caídos do céu.
      Fico à espera.

      • Caído do céu porque para além desse golo o Benfica não criou outras oportunidades claras. Um deserto de ideias. Nem é tanto por o homem nunca ter batido um livre na vida – em jogo a valer, entenda-se.

        Como disse alguém durante o jogo: “Nas próximas 100 que tiver, sem barreira, vai por a bola na bancada em mais de metade.”

        • O Ederson não fez uma única defesa. Uma única!!! Quem não teve oportunidades e teve um golo caído do céu foi o Sporting.

          O Benfica, para além dos 3 penalties e do golo, teve mais 3 remates enquadrados à baliza.
          Acho que é suficiente.

          • Esses penaltis não existiram por não terem sido marcados. Um treinador, em especial um treinador do Benfica, tem de treinar a equipa para vencer apesar disso.

            É tão verdade que o golo do Benfica é caído do céu, como que o do Sporting também o é. E isso não afecta em nada o facto de ambas as equipas se terem anulado e o empate ser o resultado que melhor traduz o que se passou em campo. Se deveria ter sido um empate a zero, tal a incapacidade de ambos os ataques? Isso é outra discussão. Agora acho que não houve um domínio avassalador de nenhuma equipa, mas que foi o Benfica mais assertivo nestes duelos da era RV, foi.

  3. Os meus parabens ao criador da pagina. Gostria de saber a sua opinião em relaçao a titularidade do Mitroglu quando nao esta Jonas. Sem o brasileiro, parece-me que o grego fica reduzido a metade. Por outro lado Jimenez retira ao Benfica aquela referência que a equipa precisa dada a sua mobilidade, no entanto e um jogador muito mais pressionante e veloz. Em minha opiniao sem Guedes o Benfica perdeu muita acutilancia no ataque e era talvez o jogador que melhor jogava tanto com mitroglu como com jimenez ou ate mesmo sem um ponta de lança com alguem mais movel.

    • Alberto, obrigado pelas palavras. O Mitroglou fez um jogo de nível 0 em Alvalade! como tantos outros que faz… Sempre que não marca é um desastre… Raul é melhor defensivamente, também é forte na zona de finalização, mas acaba por sair muito destas… e aparecer em zonas onde tb é um desastre!

      • completamente de acordo! O “facto” de o Lima ter sido o melhor ponta dos ultimos 20 anos já diz tudo da qualidade de pontas que o benfica arranja.

  4. Quando se trata de elogiar o treinador Campeão Nacional Rui Vitória, eu creio que são muito “curtinhos”, por aqui….“…. É a equipa que tem a melhor organização defensiva da Europa. Mas não é uma equipa defensiva. Mete a linha mais recuada muito subida e pressiona sem parar. Não deixa espaço entre linhas e tem avançados muito rápidos e alguns jovens…” ….Guardiola, és um tonto, as coisas que dizes….
    ….controlo de profundidade, equipa a bascular como se de um só corpo se tratasse, jogo entre linhas, utilização do corredor central, nada disso….o Cérebro resolve tudo sozinho, é que é bom, tem a arte e o dom de ser o máior…o RV só é bom, porque tem grandes jogadores, já o Mourinho, é Especial (mas este, é-o de facto)….
    RV está na vanguarda do futebol, quem o leu, sabe-lo….quem o cruzou com outros dados, tem a certeza….
    Agora espero, que o Del Piero, não me venhas com mais cacetadas à Sérgio Ramos, pois não é justo…
    Só para acabar, eu entendo, o porque desta “incapacidade” para elogiar o RV, com tanta propaganda anti (jornais, televisão, etc), já lá vão 4 anos, é normal tudo o que acontece…
    Vivemos num Mundo tóxico….
    Bem hajam, mas sem cacetada….

    • Sabes porque disse o Guardiola isso antes de jogar com o Benfica? Para evitar que recuassem linhas. Elogiando-os fez com que se sentissem obrigados a mostrar essa faceta contra eles. Precisava de espaço para as motas e assegurou-o na conferência de imprensa. Faz isto constantemente com os mais diversos adversários.

      Não me venhas falar do livro da arte da guerra adaptada ao futebol…coitado do Sun Tzu

      • Isso não é bem assim. Os comentário do Guardiola ultrapassam o nível dos mind games, algo que eu até nem vejo nele. Vamos lá recordar o que ele disse em várias situações.

        “Estou muito, mas mesmo muito impressionado com o Benfica. É uma equipa que sofre poucos golos em todas as competições, a linha defensiva deles é realmente espantosa, jogam e movimentam-se como uma verdadeira equipa. Claro que têm jogadores de qualidade como Gaitan, Jonas, Pizzi e o jovem Renato, que é muito agradável também, mas acima de tudo têm uma equipa muito boa, vai ser muito duro para nós”.

        “Não são muitas as equipas que criam muitas oportunidades de golo contra eles. O Benfica sofre poucos golos, tem uma super organização defensiva. Tem uma linha de 4 defesas como há muito não via, são muito compactos.”

        Na conferência de imprensa depois do jogo entre o Sport Lisboa e Benfica e Bayern, Pep Guardiola, treinador do Bayern, teceu vários elogios à equipa da luz, dizendo que é uma super equipa e que, com o jogadores que ficaram de fora, Mitroglou, Jimenez e Jonas, a equipa seria mais forte.

        “Mas o que mais me impressionou foi a forma como souberam organizar-se enquanto equipa”. Guardiola sobre o Benfica.

      • Wishful thinking.
        Agora estás dentro da cabeça do Guardiola?
        E quando no final do jogo foi ao balneario do Benfica dar os parabens, tambem foi mind games? Nem o Guardiola é desse género. Será que viste os jogos? Tenho certas duvidas.
        Pensares que o Vitoria ia mudar o posicionamento da sua equipa no ultimo dia só porque o Guardiola teve um comentário um dia antes do jogo nem merece classificação.
        Peço desculpa mas este teu comentário é um chorrilho de disparates.

        • Claro, até porque este ano nos dois jogos com o Dortmund, Nápoles (…) a linha defensiva teve os mesmos comportamentos.

          Há quantos anos seguidos tem sido o Benfica a equipa com mais golos marcados no campeonato? Eu diria que há mais de 5 anos. O que mudou entretanto?

  5. Del Piero sempre a dar cacetada, és o Paulinho Santos? :)….quando falei no livro do RV, não foi da óptica de o comparar com o original, mas sim na óptica de ver a direcção do pensamento futebolístico do RV, e gostei do que li, então quando o cruzei com o “Legado” de James Kerr (sobre os All Blacks), ainda mais entusiasmado fiquei, isto, claro como benfiquista que sou….fiquei com a sensação de “termos” escolhido o Homem certo, o futuro dirá, mas eu (suspeito) gosto muito do RV, e sinceramente creio que é um bocado subestimado (opiniões)….
    Então, o que o Guardiola fez foi Mind Games à JJ??…sinceramente a mim não me parece….
    …então e sobre as palavras do Sacchi, que já não necessita de Mind Games: “Só tenho de agradecer as palavras, fico grato. Mas não será justo dizer que qualquer equipa joga com o sistema deste ou daquele. Jogam ao estilo de cada um. Neste caso do Benfica o mérito é totalmente do seu treinador. Já vi vários jogos do Benfica e compreendo o que Guardiola quer dizer, não é fácil jogar contra um sistema assim, também utilizado por outras equipas”, o que tens a dizer?
    Mind Games ou não, ao menos não tem a baixeza do outro (Cérebro) ao chamar o RV de “não treinador”…..

  6. Já não há comentários isentos neste blog, puxam todos a brasa à sua sardinha da clubite. Maldini esta gente da caixa de comentários promovem as suas cores, não o futebol puro.

    • Não é clubite….é treinadorite :)….gosto muito do RV e acho-o um bocado subestimado…bem sei que é um treinador em crescimento, treinar o Guimarães não é o mesmo que treinar um grande, mas acho que o RV tens as aptidões e a filosofia para se superar ano após ano, é claro que isto só o futuro o dirá….por agora nada mau….assim como me está a dar gozo assistir ao crescimento do Zidane….não é clubite, já por aqui elogiei o Manta, o Simão (infelizmente ex-Braga) com direito a cacetada do Del Piero :), e outros….mas creio que não tem mal ser simpatizante do Benfica?
      …mas gosto do RV, porque vejo nele uma nítida intenção de futebol moderno, que vai beber ao passado, à vida, aos Guardiolas, Sampaolis, Contes, Sarris, e afins, ao Vitor Frade (quem não bebe aqui hoje em dia?), que finalmente sai na comunicação social…….nos EUA :(….
      http://www.ojogo.pt/futebol/noticias/interior/vitor-frade-e-a-mente-mais-brilhante-escreve-o-new-york-times-6250244.html
      P.S. só para dizer, que me encanta ver o Benfica movimentar-se em campo, isto claro, sem clubite :)……se só eu consigo ver este RV, se calhar é azar o meu, ou aselhice :).. ..
      Futebol é uma paixão e vocês, LE, uma grande referência….um grande bem haja e abaixo o Patreon :), que já perdi uns belos post’s….

  7. O homem de certeza que é uma óptima pessoa, nada contra. Não venho aqui para os avaliar enquanto pessoas, mas pelas qualidades profissionais. Quando alguém acha que os três remates do benfica são mais perigosos que dois remates do Dost que nem foram à baliza mas que são ocasiões clarissimas de golo…nada a argumentar. Falo apenas do processo e do que eles podem controlar…o resto é aparato e qualidade.

    Antes do jogo com o Porto: “En una intervención anterior y en respuesta a un periodista, Guardiola había considerado al centrocampista mexicano un jugador “fantástico”. “Físicamente es muy fuerte. Parece lento, pero es muy potente. El Oporto tiene buen ojo para contratar jugadores de buen nivel y Herrera es uno de ellos”, comentó el técnico catalán.”

    Claro que ele não queria que o Herrera jogasse esse jogo…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*