Run, Mané e Salah, run. A maneira Klopp.

Tal como Mourinho, Klopp tem bem identificado o momento de transição ofensiva como o ideal para provocar danos nos adversários. Tudo é pensado para explorar ao máximo os segundos pós recuperação da bola.

Linha média com cinco elementos, cobrindo maior largura, esperando por isso maior número de intercepções quando adversários tentam jogar com espaço entre médios e defesas do Liverpool, aproveitando tais recuperações para soltar imediatamente a velocidade dos dois alas, enquanto Firmino é muito mais um elemento que se move em apoio e ajuda a pensar as saídas rápidos, do que mais um elemento para acelerar. Em suma, após recuperar, Firmino muitas vezes até baixa metros para ligar a saída em contra ataque, enquanto Salah e Mané aceleram a toda a velocidade para pedir bola no espaço, ou se no pé, com muito espaço para forçar 1×1.

Ter a bola contra o Liverpool, é um engano! Abrir a equipa, se não for para explorar devidamente e com qualidade a posse, é dar-se ao jogo que Klopp pretende. E aí, até à morte vão 5, 6, 7 segundos após a perda.

LATERAL ESQUERDO brevemente na língua Inglesa! 
Agradecimento muito grande à mais de uma centena dos que já se juntaram a nós no PatreonGraças à vossa ajuda, poderemos agora lançar o site para toda a Europa, escrito em Inglês!

Para terem acesso a todos os conteúdos que por cá se produzem, e darem uma pequena ajuda é passar por lá. Agora também com acesso à drive do Lateral Esquerdo, onde partilhamos “influências”. Recordamos que 1 euro mês será desde logo uma grande ajuda! Alternativa no lateralesquerdo.com@gmail.com.

ULTIMA CHAMADA PARA A FANTASY GRATUITA – LIGA FANTASY do Lateral Esquerdo (dá para descarregar também a App para o telemóvel!

Quem quiser juntar-se a nós, basta clicar : LATERAL ESQUERDO FANTASY. O Código (Toke) para aderirem é: LatEsq18

Paolo Maldini
Sobre Paolo Maldini 3046 artigos

Criador do “Lateral Esquerdo”, tendo sido como Treinador Principal, Campeão Nacional Português (2x), vencedor da Taça de Portugal (2x), e da Supertaça de Futebol Feminino, em três anos de futebol feminino. Treinador vencedor do Galardão de Mérito José Maria Pedroto – Treinador do ano para a ANTF (Associação Nacional de Treinadores de Futebol), e nomeado para as Quinas de Ouro (Prémio da Federação Portuguesa de Futebol), como melhor Treinador português no Futebol Feminino.

Experiência como Professor de Futebol no Estádio Universitário de Lisboa, palestrante em diversas Universidades de Desporto, e entidades creditadas pelo Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ).

Autor do livro “Construir uma Equipa Campeã” da PrimeBooks.

Analista de futebol na TV e no Jornal Record.

4 Comentários

  1. Mas não é só isso. O que me encanta mais é a loucura organizada (alguma versatilidade e uma paixão louca por pressionar, sufocar, derrubar o adversário e ganhar 6-0, se for possível, e tudo com organização). Tenho duvidas se vão conseguir jogar e dominar sempre, talvez falte alguma qualidade individual (talvez!), mas é uma atitude que me agrada mesmo muito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*