A hora de Diogo Gonçalves

A posição de ala é provavelmente a mais forte de todo o plantel encarnado.

Todavia, com Zivkovic e Rafa Silva, as duas opções teoricamente de maior potencial, sem conseguirem ou terem sequer vontade de aproveitar oportunidades, e a apresentarem-se a um nível muito distante do que podem e devem render, e com Cervi que sempre se destacou mais pela competência defensiva, do que pela forma como define ofensivamente os lances, sem acrescentar desequilíbrio com bola, chegou a oportunidade de uma das maiores revelações do Mundial sub 20.

Diogo Gonçalves que para além de poder jogar na ala, tem muito potencial para jogar por dentro, um pouco à semelhança de Gonçalo Guedes, rubricou na primeira parte na Vila das Aves, uma exibição francamente positiva.

Mais responsável e ligado à equipa quer na competição quer em treino que Zivkovic e que sobretudo Rafa, com maior qualidade a definir que Cervi, mostrou competência técnica e qualidade na tomada de decisão, pela forma como se mostrou para combinar com o espaço interior, fosse com Jonas, Grimaldo ou mais tarde Krovinovic, integrando os seus movimentos individuais nos da equipa.

Para terem acesso a todos os conteúdos que por cá se produzem, e darem uma pequena ajuda tornem-se patronos deste projecto. Também com acesso à drive do Lateral Esquerdo, onde partilhamos “influências”. Recordamos que 1 euro mês será desde logo uma grande ajuda! Alternativa no lateralesquerdo.com@gmail.com.

O livro do “Lateral Esquerdo” agora em promoção no site da PrimeBooks (9’90€). Aqui, com entrega ao domicílio sem custos associados!

Paolo Maldini
Sobre Paolo Maldini 3767 artigos
Pedro Bouças - Licenciado em Educação Física e Desporto, Criador do "Lateral Esquerdo", tendo sido como Treinador Principal, Campeão Nacional Português (2x), vencedor da Taça de Portugal (2x), e da Supertaça de Futebol Feminino, bem como participado em 2 edições da Liga dos Campeões em três anos de futebol feminino. Treinador vencedor do Galardão de Mérito José Maria Pedroto - Treinador do ano para a ANTF (Associação Nacional de Treinadores de Futebol), e nomeado para as Quinas de Ouro (Prémio da Federação Portuguesa de Futebol), como melhor Treinador português no Futebol Feminino. Experiência como Professor de Futebol no Estádio Universitário de Lisboa, palestrante em diversas Universidades de Desporto, Cursos de Treinador e entidades creditadas pelo Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ). Autor do livro "Construir uma Equipa Campeã", e Co-autor do livro "O Efeito Lage", ambos da Editora PrimeBooks Analista de futebol no Canal 11 e no Jornal Record.

10 Comentários

  1. Boa tarde. Neste momento, qual é para si o melhor 11 titular do Benfica (incluindo jogadores da equipa B), e se acha que com esse 11 titular, o Benfica é o clube com melhor capacidade para ser campeão, pese embora a distância pontual já verificada.

  2. Boa tarde,

    Este moço parece muito jeitoso.

    Uma pena pelo Rafa, os clubes deviam ser mais inteligentes, faz falta no Sporting, deveria ser vendido para lá.

    Assim, vai ser emprestado e será sempre uma incógnita o que poderá acontecer.

    Um abraço,

  3. Parece-me ser uma mais valia, que poderá destacar-se, não por falta de qualidade dos restantes, mas sim por falta de vontade. E como tudo na vida, a oportunidades surgem e temos que agarrá-las. Poderá ser ele o “renato” de à dois anos. Poderá empurrar a equipa para uma época sem jogar muito, mas com consistencia para ganhar. Isto voltando aos indices de confiança…. De resto, um benfica que é mais do mesmo…!!!!ganhar jogos com andré almeida, faz-me ter muito respeito pelo rui vitoria….!!!!! 😉 😉 😉 😉

  4. Gostei de o ver em jogo trabalhou bem e percebo a aposta nele, ele é diferente de todos os extremos que jogam do lado esquerdo, é mais vertical, tem golo, não faz muitas fintinhas mas é eficaz no que faz, e joga mais por dentro e melhor do que faz Cervi ou Zivkovic( quando joga no corredor esquerdo) e em que tudo o que fazem é esperar pelo lateral ou tentar fazer cruzamentos para área, raramente conseguem desiquilibrar. E o Rafa tem sido uma desilusão mas também é normal temos demasiadas soluções com qualidade para as alas o que faz com que o tempo de jogo tenha de ser repartido por todos e se jogas mal ficas logo para trás e ele parece que está a lidar mal com isso( sempre que o vejo a jogar dá-me a impressão de estar pouco confiante e se as coisas não lhe saíem fica bastante frustado).

  5. Boas indicações de facto. Sim,um pouco ao estilo de g.guedes (pela intensidade)mas com melhor definição(guedes só agora começa a conciliar esse aspecto) Com confiança,vai ser excelente jogador!
    Quanto ao Zivcovic,pena mesmo pois tem um potencial pra voos altos!

  6. O Diogo é bom jogador, mas compará-lo com Zivkovic é pura comédia. Não tem estado particularmente atento se diz que Zivkovic não tem aproveitado as oportunidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*