Curtas sobre o dérby

FUTEBOL - William e Krovinovic, durante o jogo SL Benfica X Sporting CP, para 16 jornada da Liga NOS 2017/18, realizado no Estadio da Luz, em Lisboa. Quarta Feira, 03 de Janeiro de 2018. (CARLA CARRICO/ASF) SL BENFICA X SPORTING CP - LIGA NOS 2017/18
  • O melhor Benfica da temporada, perante aquele que foi, possivelmente o pior Sporting da temporada. Benfica muito capaz na sua organização ofensiva, a aliar construção com criação até chegar a situações de finalização, muito por conta dos constantes desequilíbrios nos corredores laterais leoninos, quer por Salvio no corredor direito, quer por Grimaldo vindo detrás para a frente no corredor esquerdo;
  • Um Sporting incapaz de ter bola durante quase todo o jogo, assentando o seu jogo essencialmente através de saídas em transição ofensiva para ataque rápido ou contra ataque. Uma equipa que pareceu em alguns momentos desgastada fisicamente, com muitos jogadores a ter dificuldade em encurtar defensivamente sobre o portador, a recuperar o seu posicionamento após perda e incapazes de definir bem com bola;
  • Krovinovic e Bruno Fernandes, possivelmente os melhores em campo para as duas equipas, pelo critério e inteligência em todas as suas acções e decisões. Menções honrosas para Grimaldo e Fábio Coentrão.

Voltaremos em breve com uma análise mais pormenorizada do jogo.

José Carlos Monteiro
Sobre José Carlos Monteiro 47 artigos
Treinador de Futebol, Uefa B, com percurso e experiência em campeonatos nacionais nos escalões de formação. Colaborador como observador e analista em equipas técnicas na Primeira Liga. Alia a paixão pelo treino e pelo jogo à analise de jogo.

11 Comentários

  1. Boa noite, tenho opiniao identica em quase tudo…apenas nao concordo com o pior Sporting da epoca! Acho que o Sporting nao tem sido bom varias vezes neste campeonato…principalmente com equipas “fortes”.
    Peço que analisem jogos do Sporting com Porto,Braga,Rio Ave, Benfica agora…e vejam o que ha em comum.

    Obrigado.

    Cumprimentos.

  2. Gostava de saber qual consideram ser a dupla de centrais do Benfica que mais contribui em todos os momentos do jogo? (Maldini, Luís, Rodrigo, também é para vocês)

    Depois do jogo de hoje fiquei sem dúvidas, Jardel e Ruben Dias. O que Luisão dá no momento de organização defensiva, tira em organização ofensiva. Ao contrário de Jardel

    • Falando em meu nome pessoal, não podemos descurar a importância que Luisão tem no Benfica. Ele conhece os movimentos todos da linha defensiva (isto dito por alguém que o orientou muitos anos, eheheh) e é ele que gere tudo aquilo atrás. Pessoalmente, gosto de Ruben Dias, embora claramente renda mais à direita (tal como Lindelof) do que à esquerda, o que é absolutamente normal. Sobre o outro parceiro, o que dá Jardel em organização ofensiva? Um abraço.

      • A meu ver, parece-me que Jardel acaba por contribuir para uma melhor organização ofensiva. Arrisca mais que Luisão tanto a nível de progressão como em passe curto, o que acaba por permitir ao Benfica sair mais vezes com qualidade em organização ofensiva. E além disso, permite que Ruben Dias jogue à direita…

  3. A quantidade de vezes que o Benfica entrou na área em belíssimas condições e o espaço que ganhou nas costas dos médios do Sporting foi surpreendente, para mim. Um Jonas em dia normal teria acertado várias vezes no fundo da baliza.

    Foi mais um jogo para calar quem repete mentiras tipo o Vitórias nunca dominou um adversário à altura. E eu não aprecio o trabalho do Vitórias (considero que não tem futuro sustentável no Benfica) mas aprecio ainda menos as mentiras.

    Quanto ao Sporting continua o deja-vu mas agora com o maior orçamento do campeonato e jogadores de 10 milhões em 70 minutos em organização defensiva. Espectáculo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*