Braga de Abel – uma proposta completa

Já por várias vezes me referi em tom bastante elogioso ao Sporting de Braga da presente época. O grau de acerto com os treinadores na cidade dos Arcebispos é bastante relevante, e se o legado de Paulo Fonseca era de uma dificuldade tremenda de substituir, Abel Ferreira tem provado a excelência do seu trabalho, fazendo esquecer na cidade o modelo incrível do seu antecessor mais marcante.

A competência colectiva é total. A equipa bracarense está trabalhada como nenhuma outra em Portugal para perceber os momentos do jogo, fazer as transições entre estes, de forma criteriosa, e perceber os comportamentos a adoptar em cada situação.

Começou por crescer bastante defensivamente, e hoje é já uma proposta completa, pela forma como trabalha com bola. A possibilidade de bater o recorde pontual da sua história é real, e não é nada que não tenha cá previsto desde muito cedo, vislumbrando o que faz o Braga no relvado.

Defronta equipas que se fecham com os mesmos comportamentos com que o fazem perante os três grandes, mas tem na sua movimentação colectiva soluções para desbloquear qualquer adversário. Na última semana venceu por cinco em Guimarães, seis no Estoril, e ainda bateu o poderoso Marselha.

Autênticas lições do que é ser uma equipa, nos pés dos jogadores bracarenses. Na Amoreira, em ataque rápido, em ataque posicional, pressionado ou sem pressão, foi assim: Um regalo!

 

Reafirmo, portanto, o que disse há já bastante tempo. O Braga é a melhor equipa da Liga. Colectivamente. E Abel, é pois claro, o grande responsável por tal feito. Desde bem cedo que os mais atentos perceberam a sua marca. Vai seguindo o seu caminho até ao topo, e dificilmente ficará muito tempo em Braga. Mesmo que até nas conferências de imprensa os jornalistas locais o peçam.

 

Paolo Maldini
Sobre Paolo Maldini 3290 artigos
Criador do "Lateral Esquerdo", tendo sido como Treinador Principal, Campeão Nacional Português (2x), vencedor da Taça de Portugal (2x), e da Supertaça de Futebol Feminino, em três anos de futebol feminino. Treinador vencedor do Galardão de Mérito José Maria Pedroto - Treinador do ano para a ANTF (Associação Nacional de Treinadores de Futebol), e nomeado para as Quinas de Ouro (Prémio da Federação Portuguesa de Futebol), como melhor Treinador português no Futebol Feminino. Experiência como Professor de Futebol no Estádio Universitário de Lisboa, palestrante em diversas Universidades de Desporto, e entidades creditadas pelo Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ). Autor do livro "Construir uma Equipa Campeã" da PrimeBooks. Analista de futebol na TV e no Jornal Record.

4 Comentários

  1. Boas. Excelente trabalho. Gostaria de uma analise, se possivel, ao momento de Andre Horta pois no ultimo jogo e ja de alguns jogos para ca se tem evidênciado na equipa Braquarense. Abraço

  2. Então continuo a perguntar: o que se passou quando era treinador do Sporting B? Serão estes resultados consequência direta do trabalho do treinador? Pode um treinador evoluir de tal forma em tão pouco tempo ou está a trabalhar no que já foi feito por outros?

    • Em tão pouco tempo? Epá o homem já saiu do Sporting há três ou quatro anos… Se calhar o senhor é que demora muito tempo a mastigar a clubite.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*