Ferro, o outro central do Benfica

Depois da passagem de Lindelof pela equipa B dos encarnados, outros outros dois centrais demonstraram potencial. Muito se falou de Rúben Dias, ainda antes da sua explosão – A sua qualidade é por demais evidente, e seria sempre uma questão de tempo e oportunidade para chegar ao topo, mesmo que estejamos a falar de um miúdo ainda com vinte anos.

O outro central da equipa B do Benfica que vale a pena conhecer chama-se Francisco Ferreira, e é conhecido por Ferro. Formou dupla com Rúben Dias durante anos a fio, quer na selecção quer no SL Benfica.

Tem demorado um pouco mais a mostrar todo o seu potencial, acima de tudo, porque durante largos períodos pareceu ser um central com mais dificuldades nas abordagens defensivas, e sobretudo, com maior dificuldade com bola do que o seu eterno parceiro de posição.

Com a saída de Rúben para a equipa A, Ferro, tem aproveitado o espaço para se tornar ele próprio a referência da defensiva dos encarnados. Jovem, de grande perseverança, a evolução que está a experimentar na presente temporada, mostrando-se hoje mais confortável com bola, e crescendo na velocidade a que analisa cada lance e posteriormente se posiciona, poderá ser o suficiente para o fazer chegar onde sempre ambicionou.

2 Comentários

  1. Central de qualidade muito acima da média. Só não concordo numa coisa. Com bola sempre foi melhor que o Rúben e ainda o é. Tem dificuldades na velocidade e na pouca agressividade (que está a melhorar) mas em termos de “pés” é o melhor do Benfica, na minha opinião. Continuem a falar dos nossos futuros jogadores. Parabéns à página.

  2. O outro menino, o Pedro Alvaro, vai ser um senhor… espero que o Ruben nao saia antes de os dois poderem fazer a dupla de centrais do Benfica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*