A tarde de Rúben Dias

Num clássico onde os duelos foram uma constante, a notoriedade chega mais facilmente para quem joga nos sectores mais recuados.

Emergiu entre todos, a exibição individual de Rúben Dias, cuja competência defensiva é absolutamente valiosa.

Impressionante o grau de acerto em todas as suas acções defensivas. Partindo sempre do posicionamento perfeito, com um foco enorme sobre tudo o que se passava no campo, saiu agressivo a quem podia e recebia entre linhas, não deixando virar e desarmando, venceu duelos sucessivos no ar, e para além de controlar o seu espaço, ainda foi quem mais mandou no espaço à frente da sua linha defensiva, pela forma como as suas abordagens defensivas foram sempre fantásticas, quer na velocidade com que se moveu, quer nos timings adoptados e até pela forma como orienta o seu corpo, que lhe permite e permitiu controlar até as rupturas de Marega.
Controlo total sobre todo o espaço defensivo, seja nas costas ou à sua frente, numa exibição para recordar do jovem central encarnado.

 

3 Comentários

  1. Obrigado por este artigo! Gostei muito! Na troca de mensagens com os treinadores que também foi publicado aqui, fala-se do quanto o Lema defende mal. Conseguem fazer alguma comparação com o Rúben Dias no mesmo jogo para eu perceber melhor? Até porque, na minha opinião, o Lema não esteve nada mal.

Responder a Adepto Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*