Porque Sérgio não abdica de Herrera

Mesmo em final de contrato, e numa fase em que já está livre para assinar por outro clube, Sérgio Conceição não abdica nunca do mexicano, quando a dificuldade dos jogos aumenta.

Mas porquê?

Herrera tem vivido sempre no Dragão como uma espécie de patinho feio, porque não é um jogador especialmente criativo, nem de um nível técnico soberbo. Está bastante longe de encantar a plateia, que tende sempre a olhar mais para o jogo com bola do que sem esta.

O mexicano é um jogador com pouco impacto na organização ofensiva, porque embora com pouco erro, quando comparado por exemplo com tantos outros médios dos rivais, não é um jogador muito dado a rasgos em zonas de criação que tragam surpresa nas estruturas adversárias.

É em Organização Defensiva, nos momentos de fechar espaços e sobretudo sair para o pressing após activação de indicadores, e nas transições que supera largamente a maioria dos jogadores da realidade nacional. E porque Sérgio prioriza um jogo mais vertical, mais rápido e de grande vigor físico, Herrera é quem vai assegurando a viagem conjunta. Quem “cola” a equipa. Se a bola chega mais rápido à frente, chegará mais rápido atrás. E se assim o é, é necessária a passada larga e disponibilidade do Mexicano para assegurar que a equipa não se parte e permanece mais junta. Seja quando rouba e sai para o ataque ou quando perde e vem defender.

Perceba o que vê Sérgio em Herrera: (LIGAR O SOM)

INSCRIÇÕES PARA O FÓRUM JÁ ABERTAS (AQUI) (Desconto para patronos)

Com o apoio da CM Paredes e da Parjovem, com o patrocínio do CGD e da Prozis, e com o RECORD como media partner. – Brevemente divulgaremos mais convidados que se juntarão a: Manuel Cajuda, Fernando Valente, Rui Quinta, Ricardo Sousa e Bruno Fidalgo.

Paolo Maldini
Sobre Paolo Maldini 3699 artigos
Pedro Bouças - Licenciado em Educação Física e Desporto, Criador do "Lateral Esquerdo", tendo sido como Treinador Principal, Campeão Nacional Português (2x), vencedor da Taça de Portugal (2x), e da Supertaça de Futebol Feminino, bem como participado em 2 edições da Liga dos Campeões em três anos de futebol feminino. Treinador vencedor do Galardão de Mérito José Maria Pedroto - Treinador do ano para a ANTF (Associação Nacional de Treinadores de Futebol), e nomeado para as Quinas de Ouro (Prémio da Federação Portuguesa de Futebol), como melhor Treinador português no Futebol Feminino. Experiência como Professor de Futebol no Estádio Universitário de Lisboa, palestrante em diversas Universidades de Desporto, Cursos de Treinador e entidades creditadas pelo Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ). Autor do livro "Construir uma Equipa Campeã", e Co-autor do livro "O Efeito Lage", ambos da Editora PrimeBooks Analista de futebol no Canal 11 e no Jornal Record.

3 Comentários

  1. Vídeo fantástica, obrigado por compartilhar. Herrera tem uma capacidade de leitura de jogo como poucos e uma ocupação espacial absurda. Eu sempre pensei que era principalmente devido ao seu físico fora do comum, mas o seu vídeo mostra que a sua capacidade de ler o jogo antes dos outros faz mais de metade do trabalho. Obrigado Maldini!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*