Os sacos de músculos ganham jogos?

Há uma dezena de anos atrás, quando informado por um colega professor de que havia um adolescente com muita aptidão para as corridas de velocidade, um importante treinador de atletismo questionou o seu informador:

– Ele é branco ou preto?

– É branco…
This content is only available to subscribers. Please contact us at lateralesquerdo.com@gmail.com for details or visit our Patreon page

Mentalidade – Percepção – Algo que brota à margem do exponenciar as suas capacidades atléticas


Para terem acesso a todos os conteúdos que por cá se produzem, e darem uma pequena ajuda tornem-se patronos deste projecto. Recordamos que 1 euro mês será desde logo uma grande ajuda!

Paolo Maldini
Sobre Paolo Maldini 3630 artigos
Pedro Bouças - Criador do "Lateral Esquerdo", tendo sido como Treinador Principal, Campeão Nacional Português (2x), vencedor da Taça de Portugal (2x), e da Supertaça de Futebol Feminino, em três anos de futebol feminino. Treinador vencedor do Galardão de Mérito José Maria Pedroto - Treinador do ano para a ANTF (Associação Nacional de Treinadores de Futebol), e nomeado para as Quinas de Ouro (Prémio da Federação Portuguesa de Futebol), como melhor Treinador português no Futebol Feminino. Experiência como Professor de Futebol no Estádio Universitário de Lisboa, palestrante em diversas Universidades de Desporto, Cursos de Treinador e entidades creditadas pelo Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ). Autor do livro "Construir uma Equipa Campeã" da PrimeBooks. Analista de futebol na TV e no Jornal Record.

1 Comentário

  1. Lá está, não li o post 😁 mas ainda assim apetece-me dizer que,

    a
    Até há sacos de músculos que ganham jogos aqui e ali. No entanto, existem casos que condicionam todo o jogar da equipa pela sua presença e prejudicam a concretização do potencial que há na equipa, que, de outra forma, poderia ser bastante mais consistente na procura das vitórias.

    Relativamente à seleção, fica a dúvida sibre quem condiciona mais. Se o Ronaldo se o FS.

    Para mim, na seleção, tem que haver a coragem de retirar o Ronaldo da criação e pô-lo a atacar a profundidade e finalizar.
    Continuando o miúdo como tem estado, Felix nas costas do Ronaldo só poderia trazer coisas boas. Nesse caso o Bernardo teria que ser medio interior e acredito que Bernardo/Felix possam fazer muito de bom juntos sabendo pausar e acelerar nos momentos certos, em havendo laterais e médios que trabalhem para que a bola lá chegue, dando apoios etc.

    Assim, os músculos e os festejos e o estatuto de ultra mega capitão do monte do olimpo poderia não ser contraproducente, mas este teria que saber lidar com uma potencial secundarização do seu papel na criatividade da equipa sem amuar e com isso criar tensões ou instabilidades, talvez compensando o seu ego com mais golos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*