Wonderkid Facundo Pellistri, do Real de Zidane ao City de Pep

Longe parecem os tempos em que os clubes portugueses se antecipavam e traziam o talento sul americano para a Liga NOS, como que uma espécie de incubadora onde a qualidade maturava antes de dar o salto para outras Ligas.

Hoje os grandes mundiais chegam mais cedo à América do Sul e retiram possibilidades aos clubes portugueses.

Será, porventura assim, com Facundo Pellistri. O tremendo talento uruguaio de 18 anos (último ano de júnior) que se estreou no Peñarol ainda no decorrer da temporada passada, está já associado ao interesse dos melhores clubes mundiais.

O jovem extremo desequilibra pela forma ultra veloz com que executa e contorna oposição, mas é pela grande eficiência que coloca em cada gesto motor que se percebe o nível que poderá atingir.

Quem recebe girando, quem mantem tamanho controlo em espaços curtos, e sempre a elevada velocidade, rapidamente transformará a eficiência do seu gesto em eficácia. Apesar da velocidade e do prazer pelo 1×1, o que mostra em espaços curtos pode bem ser o que tornará Pellistri num jogador de equipa grande.

Conteúdos exclusivos na página de Patronos (aqui)
Por um valor simbólico (a partir de 1 Euro / mês) não só tem acesso a novos conteúdos, como dá uma preciosa ajuda ao projecto a pagar os softwares de análise. Muito obrigado!

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*