Ganhar, Perder – A lotaria do jogo que nem sempre traduz competências

Futebol é o desporto mais popular em todo o mundo, será ele também o mais injusto? Ao contrário de outras modalidades há empates, e permite a quem p não cria nada durante o jogo todo, por vezes levar 1 ponto para a casa (sem contar jogos de mata-a-mata que podem ser vencidos em disputas por pênaltis), ou até mesmo ser pressionado por 89 minutos e vencer por 1×0 em um contra-ataque.

Nem sempre a melhor equipa vence.

“Qualidade sem resultado é inútil. Resultado sem qualidade é entediante.” – Cruyff

Essas ocasiões tão inesperadas são coisas que não podemos controlar, mas ao mesmo tempo é algo que podemos reduzir. Pois a equipa que mais cria oportunidades para vencer está mais próxima da vitória do que a adversária, e é disso que se trata no futebol, criar chances.

Podemos trazer para a discussão também o anti-jogo, já que no futebol o relógio não é parado, e cada bola que sai pode levar uma eternidade para voltar, há várias formas de travar o ímpeto adversário recorrendo a técnicas pouco éticas manipulando o tempo de jogo. Um estudo durante a Copa do Mundo de 2014 no Brasil, mostra que naquele mundial o tempo médio de bola rolando foi de 57 minutos e 36 segundos.

Recentemente Pep Guardiola deu uma entrevista onde fala sobre essa “injustiça” que acontece, vamos acompanhar:

“As pessoas dizem que o futebol é bonito porque às vezes a equipe que não merece ganhar, ganha…”

“Seria agradável que na vida e no futebol ganhe a equipa que mereça”

“Totalmente convencido de que jogar melhor, é quando criamos mais chances no jogo, e conceder menos aos rivais, estás mais perto de ganhar do que os demais.”

“No entanto, o futebol é o único jogo que, em muitas ocasiões não te dá o que mereces”

PÁGINA DE PATRONOS DO LATERAL ESQUERDO:

Hagi
Sobre Hagi 22 artigos
Leonardo Charamitara - Estudante de Educação Física e do futebol, tenho 20 anos, administrador da página @analisedefut no Instagram e o perfil pessoal como @leo_charamitara

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*