Cebolinha, o criador

Nem sempre no jogo, nem sempre regular. Mas, com um potencial enorme à espera de disparar. Cebolinha voltou na Bélgica a mostrar que pode ser o criador de excelência do Benfica. O homem que faz acontecer.

Nove dribles, três passes para finalização, golo e um sem número de lances a permitir entradas dos colegas para dar seguimento num jogo em que mesmo tanto arriscando, recuperou quase o mesmo número de bolas que perdeu. Está na hora de se soltar aquele que tem potencial para ser O jogador deste Benfica.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*