Atração-Variação: o jogo dos leões guiado por Bragança e Inácio

Apesar de ter rodado bastante o onze frente ao Mafra, a equipa do Sporting mostrou que conta com vários jovens no seu plantel que garantem qualidade e opções no banco mais do que suficientes para fazerem a diferença em certos jogos. Tiago Tomas, Gonzalo Plata, Daniel Bragança ou Gonçalo Inácio são alguns dos jovens que têm estado a bom nível quando são chamados, e ontem foi mais um bom exemplo. A equipa de Ruben Amorim esteve longe de uma exibição perfeita, mas os princípios e as ideias colectivas estiveram presentes, mesmo que sem a eficiência e qualidade dos habituais titulares.

Principalmente no capítulo da gestão da posse de bola e manipulação da linha defensiva, Gonçalo Inácio e Daniel Bragança trazem qualidades com bola que até podem ser superiores aos habituais titulares nessa posição. O central de 19 anos tem muita qualidade no passe, uma excelente visão de jogo e esconde muito bem os seus passes através de fintas corporais. Já o médio de 21 anos traz outro requinte na posse de bola, mais apoiado, capaz de variar entre jogo curto e longo e, principalmente, muito forte nos passes para o último terço, momento do jogo em que Palhinha, num patamar mais elevado, não participa tanto, por exemplo. Ontem, os dois jovens formados em Alcochete foram importantíssimos para desmontar o bloco bem organizado do Mafra, sempre com ideias bem definidas: atrair a pressão, e variar o centro do jogo para procurar a superioridade do ala e do extremo do lado contrário frente aos laterais do Mafra. Trazemos aqui vários desses exemplos onde vários comportamentos padrão dos jogadores das alas do Sporting são explorados pelos dois jovens portugueses:

Video criado com

Avatar
Sobre RobertPires 55 artigos
Rodrigo Carvalho. 23 anos, experiência como treinador adjunto e analista em equipas séniores em Portugal e nos Estados Unidos. Passou pela Federação de Futebol dos Estados Unidos no departamento de Formação de Treinadores. Em colaboração com a Proscout, trabalhou diretamente com equipas técnicas profissionais e produziu relatórios de jogadores. Podem seguir muito do seu trabalho em @rodrigoccc97 no Twitter.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*