Messi vale cada cêntimo

Ainda vale falar de Lionel Messi, ou estaremos a ser repetitivos? Esta semana ficou marcada pela polémica primeira página do jornal “El Mundo”, onde revelava o contrato multi-milionário de Messi e todos os custos (ou retornos?) que o Barcelona tem à custa do craque argentino. A história envolveu muita polémica, com o intuito de acusar Messi de algo que lhe passa completamente ao lado: o dinheiro que lhe oferecem pelos seus serviços. Numa altura em que o Barcelona passa por um dos piores anos e momentos das últimas duas décadas, onde são públicos os problemas financeiros e administrativos do clube, coincidindo também com uma ligeira crise no futebol, onde a equipa parece não encontrar o rumo da regularidade e qualidade exibicional sob alçada de Ronald Koeman.

Com toda esta polémica, Messi respondeu como só os craques sabem: dentro do campo, com duas exibições, duas assistências e um golo que não estão ao alcance de qualquer jogador. Não há grandes palavras para continuar a elogiar Messi, e tudo o que podemos dizer irá tornar-se repetitivo, no entanto a quantidade de vezes que o jogador argentino realiza exibições ou lances que seriam os melhores na carreira de 90% de jogadores, e que com a carreira do argentino apenas se tornam mais um acabam por desvalorizar a regularidade e magia de Messi. Frente ao Athletic para o campeonato e o Granada para a taça, o Barcelona voltou a sofrer e a estar desinspirado, mas a genialidade de Messi voltou a colocar a equipa na rota das vitórias. Fique então com os melhores momentos de Messi nestes jogos, com a certeza de que, por mais capas de jornais e ataques que possam acontecer, ele valerá sempre cada cêntimo que lhe paguem.

Os nossos Videos são criados com

Avatar
Sobre RobertPires 55 artigos
Rodrigo Carvalho. 23 anos, experiência como treinador adjunto e analista em equipas séniores em Portugal e nos Estados Unidos. Passou pela Federação de Futebol dos Estados Unidos no departamento de Formação de Treinadores. Em colaboração com a Proscout, trabalhou diretamente com equipas técnicas profissionais e produziu relatórios de jogadores. Podem seguir muito do seu trabalho em @rodrigoccc97 no Twitter.

2 Comentários

  1. É complicado porque ninguém / nada neste mundo é merecedor de 555 milões de euros.
    Ao mesmo tempo, o que ele continua a fazer em campo permanece sem-preço.
    As duas são em simultâneo verdadeiras embora falemos de preços diferentes.

    Muitos perdões pelo ligeiro off-topic mas ainda na questão de preço, nas exactas palavras do Lateral Esquerdo, ‘o melhor avançado português da actualidade’, jogador que como disse o treinador do Sporting, olhando a idade de muitos dos titulares leoninos, fará todos os outros jogar melhor. São opções que fazem sentido e preço que vale a pena pagar.

  2. Onde estarão todos aqueles que passavam o tempo a dizer, com aquele sorrisinho parvo de quem tem toda a certeza do mundo, que o o Messi só jogava porque tinha o Xavi e o Iniesta… Agora, pode ser impressão minha, mas este gajo nunca se atirou ao chão para tentar sacar uma faltazinha ao árbitro?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*