Explorar debilidades individuais – Detalhes Estratégicos de Topo

Hoje em dia, as equipas técnicas vão ao detalhe. Não só sobre as dinâmicas coletivas, mas também sobre aspetos individuais dos adversários. Uma má colocação dos pés, dificuldades a rodar o corpo, receções a fechar o campo…uma infinidade de pormenores individuais que fazem a diferença nos dias de hoje e que alimentam o trabalho das equipas técnicas. A importância da análise individual tenderá a crescer com a evolução da análise como reforçou Petit no final do jogo de ontem contra o Sporting.

“São estes pormenores que temos de ver e analisar porque cada vez está mais difícil ganhar jogos. Os treinadores conhecem-se, os jogadores também… É fundamental os jogadores conhecerem os jogadores que vão encontrar no frente a frente e não chegarem aos jogos e serem surpreendidos.”

Petit, Flash Interview vs Sporting CP

No jogo entre o Manchester City e o Norwich, completamente dominado pela equipa de Pep como seria expectável, a forma como o campeão inglês explorou a má colocação dos pés do lateral esquerdo adversário (nem protege espaço interior) e a inteligência de Bernardo expressa como ajudou a contribuir para expor as debilidades do lateral do Norwich (arrastando adversários e libertando espaço para a bola entrar nas costas do lateral) foram decisivas para a vitória do City, sendo três dos golos dos ‘cityzens’ (e outras tantas oportunidades criadas) a serem criados a explorar a deficiente colocação dos pés desse mesmo lateral, algo que, muito possivelmente foi identificado pela equipa técnica do treinador espanhol. A colocação de Gabriel Jesus a extremo-direito poderá estar relacionada com isto mas também há uma dinâmica padronizada no jogo do City: Passe Atrasado – Ataques à profundidade! Hoje, o sucesso está nos pequenos detalhes (estratégicos) e mais do que analisar o adversário coletivamente, importa também conhecer todos os jogadores ao detalhe para maximizar as probabilidades de sucesso.

Sobre Pirlo 119 artigos
Apaixonado pelo jogo e pela análise. É o pormenor que me move na procura do conhecimento. Da análise ao jogo, passando pelo treino, o Futebol é a minha grande paixão.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*