O recital do prodígio que destruiu o Barcelona

Voltou! Talento imenso que desequilibra por completo todo um jogo logo no primeiro toque que dá na bola. Há poucos no futebol mundial com a capacidade de na recepção definir todo o sentido do jogo e da jogada. As lesões que o atrasaram e outras dificuldades várias quase nos fizeram esquecer que é português, um dos mais apaixonantes jogadores do futebol Mundial.

O clássico no Wanda Metropolitano que opôs o Atleti ao Barcelona, permitiu recordar quão bom é João Felix e como definindo tecnicamente, jogando com os tempos e ritmos da partida tem o condão de definir todo um resultado de um jogo. Mesmo quando se defrontam dois gigantes. Ora veja:


Rating: 5 out of 5.

1 Comentário

  1. Não tinha visto o jogo, por isso estava especialmente curioso para ver estes clips do jogo do Felix. Pelo que ouvi, pensei que tinha feito um jogaço… Afinal, não fez nada de mais.
    Foi este o jogaço? O prodigio??
    Fartou-se de falhar passes as poucas finalizações que teve foram ao lado ou à figura.
    Este endeusamento é ridiculo. O João Felix, por muito bom jogador que seja, não fez praticamente nada digno de registo no Atlético.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*