Ah Fadista…

JJ tem unhas para tocar viola! Parece-nos que o triste fado ouvido na Luz nas últimas épocas tem o fim à vista!
Jesus pode não ser um prodígio a expressar-se, mas a sua linguagem parece ser “assimilada” por pelos seus jogadores…
A qualidade táctica do SLB mostra o trabalho desenvolvido pelo treinador e equipa técnica… Quem não se lembra do modelo de jogo de Quique, que assentava num futebol predominantemente directo, centrado em jogadores como Reyes e Suazo, onde víamos Aimar a jogar no apoio ao ponta de lança.
Jesus, é de longe a maior contratação do Benfica dos últimos anos… Vejamos algumas das características e inovações que fazem dele um activo fortíssimo do clube:
1- ao que parece, foi (é) um treinador barato (mesmo com o seu custo de “transferência” pago ao Braga), 25 mil euros mês (+prémios) contra os cerca de 100 mil euros de Quique excluindo os valores da equipa técnica espanhola mais os dois portugueses (Diamantino e Chalana), cujas funções, se desconheceram, nomeadamente Diamantino Miranda, que tinha sido contratado para integrar a estrutura dessa equipa;
2- Apresentou uma abordagem inteligente (que passou despercebida a alguns) na relação com os adeptos – especificando: o acto de levar no 1.º dia de treinos os atletas (antigos e recém chegados) ao museu do clube mostra que conhece e respeita a grandeza e história do clube.
Qualquer gestor, em qualquer área, precisa de conhecer o passado, caracterizando a realidade à sua volta, e isso, também não podia passar despercebido aos seus recursos humanos (os jogadores);
– ainda neste ponto, Jesus encara os jogos de pré época como fundamentais para “mexer” com o terceiro anel, colocando a equipa a jogar com intensidade, com um futebol atractivo, abandonando a máxima de que esses jogos servem só para dar ritmo (o Benfica entrou sempre com um ritmo elevado), e… apresentando um bom futebol, ganhando!;
– “obriga” os atletas a agradecerem aos adeptos, e isto é muito importante! – muitas estrelas e pseudo estrelas (intra e extra Benfica) ao longo dos últimos anos pensam que jogam só para eles, para os seus empresários e para a sua projecção pessoal, esquecendo-se de que existem, porque os adeptos continuam a pagar bilhetes e assinaturas de canais por cabo, consomem os produtos dos patrocinadores e vivem a ilusão do futebol…;
3- Jesus vive emotivamente o futebol. Ele sabe que a emoção é o principal argumento que “tempera” esta modalidade, sabe e conhece bem o contexto onde está inserido, por isso, também sabe como despertar essa emoção nos jogadores e “catalizar” esse estado para toda a massa adepta. Para isto basta ver as “enchentes” ao estádio da luz, os estádios dos adversários cheios com adeptos benfiquistas, e, já agora seria curioso termos dados das assinaturas (relativas a esta época) de canais por cabo (sportv e meo), que foram feitas por adeptos do SLB em comparação por períodos homologos;
4- Jesus coloca a equipa a jogar segundo princípios de pressão alta, ritmo de jogo elevado, grande mobilidade (e liberdade) dos jogadores, liberdade essa, dentro daquilo que ele refere como a “polivalência dos jogadores (veja-se o caso de David Luiz, DiMaria, Aimar e César Peixoto). Coloca também uma defesa que em anos anteriores era insegura e atabalhoada como a menos batida face a periodos homologos, os números falam por si: Benfica é segundo na liga com 5 vitórias, 1 empate, em 6 jogos, 21 golos marcados e 3 sofridos…
5- Valoriza activos do clube: Aimar é sem dúvida o paradigma disso, com a recente chamada à selecção, e, espera-se para ver como evoluem Coentrão, Saviola, Garcia, Ramirez, DiMaria, Menezes e o emprestado Kerrison…);
6- A forma como aborda os jogos, e, mais uma vez tendo em conta a realidade do clube e o seu contexto, fazendo com que crie no adepto comum a vontade de ir ao estádio, primeiro, pela expectativa de assistir a um espectáculo garantido e não de “vamos ver hoje o que é que isto dá”, incerteza que pairava num passado recente, e depois pela ilusão do resultado… espera-se sempre que o Benfica ganhe… resta saber por quantos… e isto já não era comun no SLB!;
7- Tudo isto faz com que um clube com todos os defeitos e virtude do SLB, possa neste momento, estar em estado de graça, pois o prolongar da ilusão e da emoção vai-se mantendo. Jesus, até ao momento tem sabido gerir de uma forma perfeita este aspecto: quantas vezes Rui Costa ou Vieira já tiveram de intervir… Na última época foram várias as vezes que Rui Costa interveio, dando “o corpo às balas” quer pelo grupo, quer pelo treinador em particular… Jesus, concerteza não vai precisar dessas manobras, pois tem a vantagem de saber o terreno que pisa…
… para aqueles que dizem que ele é “lagarto”, cá para nós, parece-nos que ele sempre viveu no estádio da Luz…
P.S: deixo o desafio de nos comentários acrescentarem mais pontos (positivos ou negativos) relativamente ao que Jesus trará ao SLB quer termos de inovação, qualidade e projecção…
cumprimentos a todos! vocês são a razão deste Blog!
iBenfiquista contribuiu com uma análise bastante pertinente, que faz-nos concluir que o segredo do sucesso de Jesus passa muito pela… SIMPLICIDADE… com que “descomplica” o futebol, nomeadamente, na sua forma de estar…
obrigado e aqui vai, citando ibenfiquista:
Aproveito para acrescentar alguns pontos que eu acho que o JJ acrescenta ao grupo que lidera. Descrito assim ao correr da pena.

* É uma pessoa muito motivada e muito ambiciosa, que quer ganhar tudo e que consegue passar esta motivação e ambição aos jogadores. Não só através dos seus conhecimentos técnicos, que são muitos, como pelos exemplos que dá, alguns dos quais tu já descreveste.

* É um líder com bom senso, simples e práctico, terra a terra. Isto desarma toda e qualquer pessoa que tenha manias ou pretensões para vão para lá daquelas que não sejam do interesse do grupo.

* Graças acima de tudo ao seu conhecimento do futebol português, em particular, e das tácticas e manhas (vulgo, segredos) do futebol, em geral, possui uma confiança em si próprio ilimitada. Embora não se note tanto, neste aspecto assemelha-se ao Mourinho. No entanto não é tão arrogante. Porque não é tão inseguro. O que é um (grande) ponto a seu favor.

* A sua simplicidade é desarmante, apesar das tentativas de alguns adeptos adversários o denegrirem, acusando-o de não saber falar português e de estar sempre de boca aberta a mascar pastilha. Esta simplicidade conquista muita gente, não menos importante entre a C.S. Além disso está de acordo com a maioria dos adeptos do Benfica, que são pessoas simples. A bota bate com a perdigota.

Paolo Maldini
Sobre Paolo Maldini 2355 artigos
Criador do Lateral Esquerdo, é também professor no Estádio Universitário de Lisboa. Treinador de futebol, tendo almejado diversos titulos nacionais. Experiência como coordenador de futebol formação e palestrante em diversas Faculdades de Desporto. Autor do livro "Construir uma equipa campeã" da editora PrimeBooks.

15 comentários em Ah Fadista…

  1. Muito bem Rodrigo. Aproveito para acrescentar alguns pontos que eu acho que o JJ acrescenta ao grupo que lidera. Descrito assim ao correr da pena.

    * É uma pessoa muito motivada e muito ambiciosa, que quer ganhar tudo e que consegue passar esta motivação e ambição aos jogadores. Não só através dos seus conhecimentos técnicos, que são muitos, como pelos exemplos que dá, alguns dos quais tu já descreveste.

    * É um líder com bom senso, simples e práctico, terra a terra. Isto desarma toda e qualquer pessoa que tenha manias ou pretensões para vão para lá daquelas que não sejam do interesse do grupo.

    * Graças acima de tudo ao seu conhecimento do futebol português, em particular, e das tácticas e manhas (vulgo, segredos) do futebol, em geral, possui uma confiança em si próprio ilimitada. Embora não se note tanto, neste aspecto assemelha-se ao Mourinho. No entanto não é tão arrogante. Porque não é tão inseguro. O que é um (grande) ponto a seu favor.

    * A sua simplicidade é desarmante, apesar das tentativas de alguns adeptos adversários o denegrirem, acusando-o de não saber falar português e de estar sempre de boca aberta a mascar pastilha. Esta simplicidade conquista muita gente, não menos importante entre a C.S. Além disso está de acordo com a maioria dos adeptos do Benfica, que são pessoas simples. A bota bate com a perdigota.

    Ainda muito mais haveria a dizer. Mas tenho de ir para N.Y amanhã.

    Saudações Benfiquistas

  2. obrigado pela colaboração… todas pertinentes… que ajudam a descrever o sucesso do Homem.

    Destaco:" É um líder com bom senso, simples e práctico, terra a terra. Isto desarma toda e qualquer pessoa que tenha manias ou pretensões para vão para lá daquelas que não sejam do interesse do grupo…. "

    esta parece ser uma grande descrição daquilo que o torna diferente daquilo que estamos habituados a ver no Benfica.

  3. Um treinador é muito mais que um mero professor durante a semana para chegar ao jogo e estar quieto a ver a sua equipa jogar! A realidade é que há sempre algo a corrigir, no entanto, mesmo que não houvesse é diferente jogar com um treinador amorfo do que com um treinador que vive intensamente o jogo lado a lado com os seus jogadores!

    Jesus dá um autêntico espectáculo para lá das quatro linhas e acredito sinceramente que motive os jogadores com este seu comportamento, por outro lado, isto não demonstra apenas profissionalismo mas também uma paixão incessante pelo jogo que é o Futebol!

    Com palavras caras ou mais rudimentares, Jesus sabe do que fala…como alguém disse um dia: "a linguagem o futebol é universal" e Jesus entende-a na perfeição!

  4. Depois do jogo em leiria jesus disse:
    “Estamos a recuperar os tempos de Eusébio!”
    "Se não for de uma maneira tem que ser de outra"

    Ou seja, O jesus mostra-se um grande conhecedor da historia do benfica, se o eusebio nao resolve os arbitros resolvem por ele. Realmente é o que se tem visto neste campeonato. Mais palavras para que…

  5. Tenho uma coisa a acrescentar. Se nos fizer campeões este ano (atenção, apesar de não parecer, no ano passado, pelo Natal, estávamos invictos no campeonato, Quique não terá sido totalmente o culpado de não ter sido campeão, pois como já dizia o Quinito no Porto, com estes jogadores eles sózinhos vão lá para dentro que sabem o que fazer, e no Glorioso Quique tinha jogadores desses, por exemplo Aimar, quando esteve em condições, etc, logo a culpa do «sistema» é alguma), claro que na minha ideia era campeão invicto «à Jimmy Hagan», mas mesmo que seja com derrotas, pois hoje em dia é praticamente impossível devido à qualidade geral, e há dias maus, ele vai fazer, para além de todas estas coisas já mencionadas, o PIB crescer, pois com os Benfiquistas contentes, com 60% do país alegre nos seus postos de trabalho e a produzir mais, ehehhe, vamos crescer! Que grande tarefa para Jesus. Se se chamasse Hércules também não seria mau de todo, ehehhe! Ou seja, vamos lá ver se somos campeões, pois desde 1993/94 que o país tem andado para trás na economia, o que, presumo, deva ter a ver com o Benfica! Viu-se que em 2005, com a bela campanha na Champions isto deu sinais de retoma, que a crise mundial logo veio deitar por terra, eheheh!

    Abracinho a todos! Atenção que não pretendo ofender os restantes 40% da população que, com todo o direito, têm outra cor nos seus corações! Eheheheh!

    Márcio Guerra

    P.s.- Visitem-me em http://HoldUs.blogspot.com para receberem um dinheirinho GRÁTIS para começarem a vossa banca, para jogarem, sem gastarem nada, tal como eu fiz!

  6. O homem pode ser, e é, uma grande personagem.

    Mas, o mais importante de tudo é a qualidade.

    É mais fácil conquistar os jogadores pela qualidade, que pelo discurso.

    Não há, por certo, um único jogador do Benfica que n lhe reconheça uma enorme qualidade táctica. E isso é o mais importante, para se ganhar a confiança de jogadores famosos.

    e não tenho dúvida de que se tem ido para o Sporting, a esta altura, não seria o Benfica que estaria em estado de graça…

  7. Que eu saiba o senhor Jesus ainda não ganhou nada…entao porquê estas hossanas?? Só se percebe pelo facto de quem escreve ser benfiquista ferrenho e andar com o "tesão" todo…

    Ah e pelos vistos so quando sao jogadores do leixoes ou o hulk a reclamar faltas e amarelos aos arbitros é que lhes sao mostrados esses mesmos amarelos…A palhaçada continua…

    Enfim…

    Ruibonga

  8. nao sou benfiquista mas ah bastante tempo que aprecio as qualidades do jj.
    O benfica realmente está a jogar como ah mt nao se via. A ultima vez k os vi jogar assim foi no 1º ano da era camacho, mas ai o plantel nao tinha a qualidade deste.
    Mas em 6 jornadas 3 vitorias tiveram colinho. Já chega! Se nao fosse esse colinho os benfiquistas provavelmente ja tavam em estado de depressao e a prorpia ekipa nao teria motivaçao para render tanto. Sao estes pormenores k estao a influenciar este inicio de campeonato e k impede os adversarios de reconhecer o bom momento do benfica. Eu sei k voces nao se importam e kerem ganhar seja de k maneira for, mas isso nao é bom para o futebol.
    A imprensa nao é honesta nem isenta no seu trabalho. Tem k haver etica e linhas editoriais imparciais. Ainda hoje nao se dá o devido destaque ao classico na capa de dois jornais desportivos. Nao ah respeito e isto é no minimo vergonhoso.

  9. Curioso, curioso acho eu os «anónimos» virem para aqui mandar bocas. Quem quer respeito dá-se ao respeito, e não ser Homem para se identificar atrás de um computador, porque sim, se não tem conta Google tem a hipótese de assinar com nome à mesma, é uma falta de respeito para quem o faz e de forma honesta. Ter uma opinião é um direito de cada um, mas é um dever ser-se Homem para a assumir, não é «bate e foge»… Isso é cobarde!

    Márcio Guerra

    P.s.- Visitem-me em http://HoldUs.blogspot.com para receberem um dinheirinho GRÁTIS para começarem a vossa banca, para jogarem, sem gastarem nada, tal como eu fiz!

  10. Márcio Augusto R. Guerra, ja te respondi no topico do aimar, nao me vou andar sempre a repetir. Assino anonimo pq a moderaçao deixa, keixa-te a eles, nao a mim. A moderaçao do forum é k ja te metia no sitio, se eles permitem comentarios anonimos nao és ninguem para por isso em causa, ate pq k eu saiba o blog nao é teu.

  11. Um outro ponto positivo, ou uma maneira de ver um ponto jà descrito, è que o homem sabe bem como "vender" o produto Benfica. Antes dos jogos relembra aos adeptos quao importantes sao e a sua presença massiva na Luz. Mima-os e eles mimam a equipa. O que eleva a moral das tropas mas tambèm a tesouraria do clube ao menos em entradas directas de cifroes: mais gente no estàdio=mais bilhetes vendidos; mais merchandise vendido à volta do estàdio; mais assinaturas Benficatv, etecetera e tal.

  12. Low Desert, era ai que eu queria chegar… Fernando Santos que era Benfiquista, e Camacho que tinha uma forma de estar também terra a terra, não conseguiram colocar isso a seu favor… Mexer com a massa benfiquista!
    Jesus está a ser exímio nisso, e as receitas vão disparar este ano… por isso, nos pratos da balança, só em termos económicos, Jesus é um treinador baratíssimo, basta que para isso continue a ganhar e a encantar com boas exibições…

  13. Essa agora… E como anónimo eu adivinho que és tu o mesmo?
    Mais um motivo a dares-me razão! E não, não tens que me responder, não tens que te repetir… Irra!

    Abraço a todos, anónimos ou não!

    Márcio Guerra

    P.s.- Visitem-me em http://HoldUs.blogspot.com para receberem um dinheirinho GRÁTIS para começarem a vossa banca, para jogarem, sem gastarem nada, tal como eu fiz!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*