João Mário conduz a vitória do Sporting no Dragão

Num jogo grande em que só uma equipa tinha alguma coisa a perder, percebe-se que as emoções tenham tomado conta dos jogadores e com isso diminuído muito a qualidade da organização das equipas. Não houve excelência táctica de nenhuma das partes. Nem defensiva, nem ofensiva. Da inexperiência do Sporting nestes momentos de decisão ao Porto fora do grande objectivo da época. Os jogadores a cometerem muitos erros, ofensivos e defensivos, pelo estado anímico em que se encontravam. Num campeonato decidido ao pontinho, a bola que bate no poste e não entra, e a bola em que o Guarda-redes adversário é mal batido, podem ficar na memória como momentos decisivos para o desfecho do campeonato.
Mais – Brahimi
Menos – Chiodze
Mais – João Mário e Ruiz
Menos – William Carvalho
Blessing
Sobre Blessing 88 artigos
Treinador de futebol, de momento na formação. Experiência como Treinador Adjunto no escalão de seniores masculino e feminino, tendo esta época culminado com a conquista de todas as provas nacionais em disputa. Desempenha também funções como Scout para 1ºLiga. Criador do Blog Posse de Bola

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*