A estreia de Rúben Macedo

O regresso do Desportivo de Chaves aos triunfos teve também a boa nova, da estreia de Rúben Macedo na Liga NOS.

O extremo internacional jovem em todas as categorias pela selecção das quinas, demonstrou o impacto que poderá vir a ter na urgência que o Chaves tem em somar pontos.

Destreza, qualidade técnica e a irreverência própria de quem sabe o talento que tem. Está no golo que consolida a vantagem, mas não é apenas no momento de transição ofensiva que poderá fazer-se notar. Também em ataque posicional é um jogador diferenciado.

Há mais um atractivo para seguir a competição portuguesa.

Paolo Maldini
Sobre Paolo Maldini 3448 artigos
Criador do "Lateral Esquerdo", tendo sido como Treinador Principal, Campeão Nacional Português (2x), vencedor da Taça de Portugal (2x), e da Supertaça de Futebol Feminino, em três anos de futebol feminino. Treinador vencedor do Galardão de Mérito José Maria Pedroto - Treinador do ano para a ANTF (Associação Nacional de Treinadores de Futebol), e nomeado para as Quinas de Ouro (Prémio da Federação Portuguesa de Futebol), como melhor Treinador português no Futebol Feminino. Experiência como Professor de Futebol no Estádio Universitário de Lisboa, palestrante em diversas Universidades de Desporto, e entidades creditadas pelo Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ). Autor do livro "Construir uma Equipa Campeã" da PrimeBooks. Analista de futebol na TV e no Jornal Record.

2 Comentários

  1. Quantos milhões seriam precisos para recrutar 7, 8, 10, 11, 14 ou 16 jogadores portugueses entre os que são aqui regularmente referenciados para elevar rapidamente o nível qualitativo de equipas como o Sporting ou o Braga? Menciono estas duas porque têm naturalmente muito mais dificuldade em reunir ou aceder a verbas para a contratação de jogadores, relativamente a clubes como Benfica ou FCP. Bem poucos. Sven Göran Eriksson, Artur Jorge ou Tomislav Ivić não foram os únicos responsáveis para que nos anos 80 ou princípio dos anos 90 tivéssemos equipas portugueses a disputar com assiduidade as fases finais de competições Europeias de futebol (Benfica e Porto). Nesses tempos os 3 grandes recrutavam no mercado Nacional. A partir de determinada altura, começaram a dar preferência a outros mercados. As suas equipas tornaram-se inevitavelmente mais fracas.

  2. De referir que este Rúben Macedo encontra-se vinculado ao FC Porto (rodando na B) e foi emprestado agora ao Chaves, à semelhança do ano passado em que foi para o Varzim fazer 19 jogos e marcar 5 golos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*