O salto para Ivan Jaime

Desde o primeiro dia que se percebeu que era um jogador de qualidade inquestionável e cedo se perspectivou que seria mais um bom encaixe para o Famalicão. Este poderá ser o verão em que Ivan Jaime dê o salto, e o destino mais provável parece ser o campeão nacional.

A capacidade técnica do espanhol de 21 anos, juntamente com o seu perfil ágil, oferecem-lhe requinte e eficiência na forma como toca na bola. Com muita facilidade em utilizar ambos os pés para qualquer gesto técnico, é na forma como recebe enquadrando ao primeiro toque e posterior agressividade em condução ou em passe que o catapulta para um nível superior. Procura constante por aproveitar todas as oportunidades de progredir no campo, mas percebendo os contextos onde é preciso travar e guardar. Sem perda fácil, protege a bola, roda sobre sí, tira adversário da frente e entrega jogável.

Apesar de criativo e bom finalizador, precisa de aumentar o seu impacto em criação acumulando números. Os apenas 6 golos e 5 assistências em 49 jogos em Portugal não estão diretamente relacionados com toda a competência e qualidade demonstrada pelo médio. Necessita de crescer, mas tendo em conta o potencial técnico, físico e cognitivo, a margem é muito grande. Sendo certo que quando conseguir juntar a toda a harmonia do seu futebol, um maior impacto junto da área, será muito mais valorizado.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*