Sporting. Prémios Torneio Ramón Carranza.

white corner field line on artificial green grass of soccer field
Prémio Melhor Jogador. Rinaudo. Não tem só imensa força e uma abnegação, e perseverança sem limites. Fito sabe jogar à bola. Recupera, entrega e move-se garantido sempre linha de passe atrás do portador da bola. Percebe-se que é um líder e não foi por acaso que os melhores momentos do Sporting no torneio foram quando esteve em campo. Enorme reforço pelo jogador que é, e o homem que aparenta ser.
Prémio Revelação. Diego Rubio. Não é comum uma afirmação tão precoce. Ter crescido numa familia de futebolistas (são quatro os parentes directos que são/foram profissionais de futebol), seguramente que o ajudou em detalhes tão determinantes como a forma como se movimenta. Tal como o tio Zamorano, tem golos para encantar os adeptos. Movimenta-se bem, tem facilidade no remate e uma técnica assinalável. É um provável titular, ao lado de Postiga no jogo que abrirá a temporada leonina. Quem diria?
Prémio Adaptação. Pereirinha. As opiniões em torno das suas capacidades são demasiado díspares. Nao colhe unanimidade essencialmente porque não é um jogador de raides e salooms. O que se precisa de saber é que ninguém precisa de o ser para acrescentar qualidade ao processo ofensivo. Se João Pereira é óptimo para equipas que sobrevivam de impulsos individuais, num coletivo mais forte, mais cerebral, mais inteligente, Pereirinha tem mais do que valor para ser o dono da lateral direita do Sporting. Se no segundo jogo, o Sporting foi capaz de preservar com muito maior assertividade a bola, muito o deve a Pereirinha. É, todavia demasiado bom para construir carreira na lateral.
Prémio Não Serve. Onyewu. Depois de incrementar as suas capacidades físicas, talvez mereça uma oportunidade de ser revisto. De momento, e porque às debilidades na agilidade alia frequentes maus posicionamentos, é o quarto central do Sporting.
Prémio Pior Jogador. Ricky Van Wolfswinkel. Perde espaço a cada jogo que participa. Se era um homem forte de área que o Sporting pretendia, Ricky não tem o perfil desejado. Ainda que tenha estado bastante mal em Cádiz não é seguramente alguém que se deva descartar. Sabe movimentar-se e a péssima recepção que o impediu de se isolar perante o guarda redes do Málaga, engana. É melhor tecnicamente que aquilo que demonstrou. A concorrência poderá retirar-lhe minutos. É que confirmando-se que não tem características para ser o avançado mais fixo, também é dezenas de vezes inferior a Hélder Postiga, para que possa jogar em seu detrimento. A rever, ainda assim.
Prémio Estou maluco para te ver jogar de novo. Jéffren. Não impressionou minimamente quando teve a bola. Mas, demonstrou ser um jogador e tanto sem ela. Trabalha como ninguém para receber, facto que lhe permitirá ganhar tempo e espaço para enquadrar e dar seguimento às bolas que lhe passarem pelas botas, e mostrou ser bastante activo no pressing (ao contrário de toda a restante equipa). A forma como trabalha sem bola, permite perceber a sua origem. Fica o forte desejo de o rever. Assim demonstre a mesma qualidade com a bola nos pés, e será também um dos candidatos a jogador do ano em Portugal. Assim a época corra a preceito à sua equipa.
Paolo Maldini
Sobre Paolo Maldini 3166 artigos
Criador do "Lateral Esquerdo", tendo sido como Treinador Principal, Campeão Nacional Português (2x), vencedor da Taça de Portugal (2x), e da Supertaça de Futebol Feminino, em três anos de futebol feminino. Treinador vencedor do Galardão de Mérito José Maria Pedroto - Treinador do ano para a ANTF (Associação Nacional de Treinadores de Futebol), e nomeado para as Quinas de Ouro (Prémio da Federação Portuguesa de Futebol), como melhor Treinador português no Futebol Feminino. Experiência como Professor de Futebol no Estádio Universitário de Lisboa, palestrante em diversas Universidades de Desporto, e entidades creditadas pelo Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ). Autor do livro "Construir uma Equipa Campeã" da PrimeBooks. Analista de futebol na TV e no Jornal Record.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*