Aposta mais segura da semana. Liga NOS.

Rio Ave de Pedro Martins em 4231, numa óptima classificação e a prometer somar mais três pontos num jogo que não será por certo fácil. Bressan, o internacional pela Bielorrússia como o médio mais ofensivo, a procurar receber em espaços mais adiantados. No corredor central em organização ofensiva, mas com liberdade para cair nos corredores laterais nas transições. Guedes, o ponta de lança que vai baixando para apoio, procurando arrastar marcações, para além de aparecer também nos corredores laterais. A mobilidade em termos ofensivos é um traço da equipa do Rio Ave. Ukra mais preso no corredor lateral, também porque Lionn, o lateral direito não confere profundidade ofensiva. Dinâmica interessante à esquerda com o jogo posicional de Edimar e Zeegellaar. Combinam bem e movimentam-se em função um do outro (dentro / fora)
Uma das boas equipas portuguesas. Pela qualidade individual acima da média da nossa realidade e porque assente num jogar bem definido.  Sem bola, os extremos juntam e a equipa mesmo longa em profundidade, aproxima em largura, aumentando as dificuldades para o Moreirense poder explora Iuri.
Será um Moreirense no seu habitual 4231 que tantas vezes se desdobra em 433 nos momentos ofensivos, o que se apresentará no Estádio dos Arcos.

Os extremos da equipa de Moreira de Cónegos fecham bem os espaços no momento de organização defensiva, juntando as linhas e encurtando o campo. Maiores dificuldades na transição defensiva, porque em menor número nas situações de jogo as dificuldades individuais fazem sentir-se. Ofensivamente defender tão baixo poderá coarctar as possibilidades de sair em transição. Ainda que Rafael Martins, o ponta de lança que subirá ao relvado no campo do Rio Ave, tenha capacidade para segurar a bola esperando pela subida dos colegas. Iuri aproxima e sabe definir. Todavia, será complicado ter bola.
Paolo Maldini
Sobre Paolo Maldini 3011 artigos

Criador do “Lateral Esquerdo”, tendo sido como Treinador Principal, Campeão Nacional Português (2x), vencedor da Taça de Portugal (2x), e da Supertaça de Futebol Feminino, em três anos de futebol feminino. Treinador vencedor do Galardão de Mérito José Maria Pedroto – Treinador do ano para a ANTF (Associação Nacional de Treinadores de Futebol), e nomeado para as Quinas de Ouro (Prémio da Federação Portuguesa de Futebol), como melhor Treinador português no Futebol Feminino.

Experiência como Professor de Futebol no Estádio Universitário de Lisboa, palestrante em diversas Universidades de Desporto, e entidades creditadas pelo Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ).

Autor do livro “Construir uma Equipa Campeã” da PrimeBooks.

Analista de futebol na TV e no Jornal Record.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*