Correr em cima das botas não é um jogo

Há não muitos anos atrás Julio Rendeiro, outrora capitão da selecção portuguesa de hóquei patins, pela qual se sagrou por diversas vezes campeão nacional, europeu e mundial, dizia-me que o Hoquei tinha perdido espectacularidade e virtuosismo individual.

Hoje não se patina. Corre-se em cima dos patins. No meu tempo, primeiro aprendíamos a patinar e depois jogavam os que patinavam melhor. Hoje há quem jogue e nem saiba patinar.

A modernidade no jogo é algo simplesmente impossível de travar.
This content is only available to subscribers. Please contact us at lateralesquerdo.com@gmail.com for details or visit our Patreon page

Para terem acesso a todos os conteúdos que por cá se produzem, e darem uma pequena ajuda tornem-se patronos deste projecto. Recordamos que 1 euro mês será desde logo uma grande ajuda!

Paolo Maldini
Sobre Paolo Maldini 3583 artigos
Pedro Bouças - Criador do "Lateral Esquerdo", tendo sido como Treinador Principal, Campeão Nacional Português (2x), vencedor da Taça de Portugal (2x), e da Supertaça de Futebol Feminino, em três anos de futebol feminino. Treinador vencedor do Galardão de Mérito José Maria Pedroto - Treinador do ano para a ANTF (Associação Nacional de Treinadores de Futebol), e nomeado para as Quinas de Ouro (Prémio da Federação Portuguesa de Futebol), como melhor Treinador português no Futebol Feminino. Experiência como Professor de Futebol no Estádio Universitário de Lisboa, palestrante em diversas Universidades de Desporto, Cursos de Treinador e entidades creditadas pelo Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ). Autor do livro "Construir uma Equipa Campeã" da PrimeBooks. Analista de futebol na TV e no Jornal Record.

11 Comentários

  1. Jogo insano do JC
    “Insanidade é continuar a fazer sempre a mesma coisa e esperar resultados diferentes.”
    Quando olhas para a ficha de jogo e vez la o nome do N. Semedo…. Até me dá um aperto no coração…

  2. O ter dito número entrevista que Messi é o melhor do mundo custa a Portugal um dos melhores laterais do mundo. Só pode…

  3. Entendo que nas seleções não há tempo para treinar mas eu não posso acreditar que Portugal não possa demonstrar muito melhores ideias em campo com os jogadores que estão ao alcance do selecionador. Mesmo sendo sempre muito discutível o lote de selecionados, com os que escolheu não dá para fazer muito melhor?
    Mudou coisas de um jogo para o outro, mas a realidade é que os problemas se mantiveram.
    Não há apoios na fase de criação e foi exatamente por isso que o Danilo acabou por decidir chutar.
    Cruzamentos, cruzamentos, cruzamentos e (não me lembro se já tinha dito) cruzamentos.
    Nada de roturas, nada de ideias concretas para as transições ofensivas e vários maus posicionamentos defensivos.
    Um golo vistoso nascido do caos e o facto de podermos dizer (e podemos) que tivemos oportunidades suficientes para ganhar ambos os jogos, mais a belo alibi da arbitragem, não justifica a ausência de ideias em campo e muito menos sustenta que seja este o caminho como o Ronaldo ensaiou dizer.

    Ver o Bernardo sem que ninguém se chegue perto para se poder fazer o que o Bernardo sabe fazer melhor é absolutamente ridículo.

    Acho que deveríamos ter um selecionador que perceba efetivamente de futebol (em vez de dizer umas frases soltas com umas expressões modernaças que parecem recentemente aprendidas, tipo “reação à perda” e “sair a jogar de trás”) e que saiba decidir bem o que fazer com Ronaldo sem que ter Ronaldo afinal seja um problema.

    Desde o mundial que por vezes me ocorre (e já aqui o tinha referido nessa altura) que o Carlos Carvalhal poderia ser uma solução interessante para a seleção. Perceber mais de bola e (aparentemente) ter bons skills de comunicação com jogadores (e em geral) em simultâneo com (aparente) capacidade de criar relações sem grande tensão e com um ego (aparentemente) controlado. Acho que o perfil terá que ser deste tipo.

  4. Ja ca faltava… Ronaldo, o bode expiatorio de todo o mal que nos assola.

    Como se ja nao fosse habitual as varias geracoes que disputaram apuramentos nos ultimos anos, andarem praticamente sempre ate a ultima para se apurarem.

    É uma questao de mentalidade portuguesa, de quem so começa a correr a serio, quando ve o cu apertado.

  5. Ronaldete fora…só se lesiona a seleção quando ve que as coisas nao estao a correr à maneira dele, final do euro foi a mm coisa. Nao gosto dele, acho arrogante e ele esta a minar tudo na selecao…quero dizer na “equipa da federacao”, porque isto nao é Portugal, nem o Ronaldo representa nada disso. Uma pessoas sem nivel nenhum. Zero.

2 Trackbacks / Pingbacks

  1. Os sacos de músculos ganham jogos? – Lateral Esquerdo
  2. Correr em cima das botas não é um jogo – Lateral Esquerdo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*