Ramos na Reboleira

Aos dezanove anos e depois de um impacto imediato na Segunda Liga, Gonçalo Ramos vai tendo paulatinamente tempo de jogo na equipa principal do Benfica. Fisicamente muito forte e com “faro” de golo – Na formação os colegas apelidavam-o de “Feiticeiro” pela forma como é “sempre” para ele que a bola sobra antes de entra – Ramos procura ainda um espaço efectivo nas águias.

Na reboleira apenas 12 por cento dos seus passes não encontraram um colega de equipa, foi capaz de segurar a bola em espaços curtos e por vezes em condições difíceis, ele que não é tecnicamente um jogador soberbo.

Os movimentos de fora para dentro e a chegada à zona de finalização são marca de um “animal” na passada. “Pormaior” que lhe dá vantagem sobre os defensores quando se trata de atacar espaços, ao qual alia uma eficácia tremenda na hora de rematar. Na Amadora só por uma vez teve oportunidade de finalizar, e ainda não foi ontem que se estreou a marcar na época pela equipa principal do Benfica.

Os nossos Videos são criados com

4 Comentários

  1. A barreiro do primeiro golo já passou pois marcou ao União para a Taça de Portugal.
    Tem tudo para ser um avançado de topo. O faro pelo golo dos predestinados, algo que não tem preço e é muito difícil de ensinar. Tempo de chegada no momento exacto a atacar o espaço é incrível.
    Não é um primor técnico em certos momentos mas quem é um jogador feito com 19 anos? E os defeitos que tem podem ser todos trabalhados e melhorados. Na finalização não é em nada inferior a Darwin e Seferovic.
    Que continue a trabalhar pois é novo e tem tempo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*