Dificuldades na Construção e as Substituições de Rúben Amorim

“Quando não se começa a construir bem, dificilmente as jogadas têm um bom fim”

Marco Silva

Pode parecer paradoxal, mas as dificuldades da vitória do Sporting em Barcelos iniciaram-se atrás, na construção leonina. Durante a primeira-parte, período de enorme dificuldade para o líder da liga, a equipa de Ruben Amorim sentiu inúmeras dificuldades para chegar à baliza adversária, devido à grande competência defensiva do Gil Vicente que se posicionou num 5x4x1 muito junto, mas sobretudo pela existência inúmeros erros (técnicos e táticos) em zonas de construção que até originaram contra-ataques perigosos do Gil Vicente . E se é na frente que se marcam os golos, atrás começa-se a ganhar jogos porque é onde tudo começa e são os centrais que mais tempo têm a bola por jogo!

Não foi, portanto, surpreendente, a entrada de Gonçalo Inácio na segunda-parte que, tal como o próprio treinador do Sporting referiu após o jogo, têm uma enorme capacidade com bola para desequilibrar desde trás em condução ou em passe. As entradas de Bragança e João Mário deram, ainda, maior qualidade ao Sporting em zonas de construção e de criação, mas também maior velocidade na circulação da bola, num terreno que já se encontrava pesado. Entraria, ainda, Matheus Reis que, pelas suas características, se poderia envolver no corredor esquerdo com Nuno Santos, aparecendo de trás para a frente ou com sobreposições interiores à imagem da jogada que originou o livre do golo da vitória dos Leões.

As substituições de Ruben Amorim foram a prova real que o Treinador também “joga”, respondendo sempre ao que o jogo pedia (maior capacidade na construção e velocidade na circulação) e conseguindo mexer com o jogo… E quando todos pensávamos que iria lançar avançados, acabou por colocar dois defesas que foram fundamentais para a reviravolta leonina.

Sobre Pirlo 104 artigos
Apaixonado pelo jogo e pela análise. É o pormenor que me move na procura do conhecimento. Da análise ao jogo, passando pelo treino, o Futebol é a minha grande paixão.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*