A Transição Ofensiva do Sporting – A Marca de Amorim

No reino do Leão permanece tudo igual em relação à temporada passada que culminou com o tão desejado titulo nas hostes leoninas. O Modelo, bem completo diga-se, de Ruben Amorim aparece intacto, salvo uma ou outra dinâmica implementada pelo próprio com a chegada de Esgaio. Espera-se, portanto, um ano de continuidade em Alvalade o que me parece importante para o Clube, mas sobretudo para os jogadores. Já conhecem a ideia, já acreditam na mesma e fundamentalmente, nota-se um grande conhecimento dos jogadores naquilo que fazem no campo. Esta competência está associada à forma como a equipa defende, principalmente a última linha.

Neste post, o que pretendemos destacar é a Transição Ofensiva leonina que está, obviamente, relacionada com a forma como a equipa defende porque a Organização Defensiva do Sporting é pensada na forma como a equipa vai transitar ofensivamente e no rentabilizar de cada um dos elementos da frente. Na última temporada, o Sporting marcou vários golos em Contra-Ataque ou Ataque Rápido, sempre que o adversário concedia espaço. Esta temporada não será diferente e o jogo de ontem, de Apresentação contra o Lyon, permitiu perceber isso mesmo com a equipa de Ruben Amorim apontar dois golos em situações semelhantes na transição defesa-ataque.

Sob o ponto de vista defensivo, o Sporting não fez um jogo brilhante. A Linha média e avançada foram facilmente batidas na primeira meia hora do jogo, muitas vezes a parte mais importante na avaliação destes jogos de pré temporada, a equipa francesa conseguiu ficar de frente e sem o portador estar pressionado mais vezes do que é normal nesta equipa do Sporting. No entanto, o Sporting ainda conseguiu recuperar algumas bolas e sair em Transição Ofensiva, e foi neste momento do jogo que, a equipa leonina chegou a dois dos golos da vitória e criou outras tantas oportunidades de golo. É neste momento do jogo que, o Sporting poderá investir em jogos com equipas de nível semelhante como Braga na próxima semana ou nos jogos da Champions League.

Sobre Pirlo 119 artigos
Apaixonado pelo jogo e pela análise. É o pormenor que me move na procura do conhecimento. Da análise ao jogo, passando pelo treino, o Futebol é a minha grande paixão.

1 Comentário

  1. Isto é algo que o treinador consegue controlar, certo? O posicionamento dos jogadores a defender para preparar a transição ofensiva, dando depois liberdade aos jogadores para escolherem a melhor rota.
    Infelizmente o JJ parece que não consegui evoluir as suas ideias com a rapidez necessária. Até a nível de solidez defensiva parece que não é tão eficaz como na primeira passagem pela luz. Sendo que a nível ofensivo parece que só teve carrossel quando a qualidade dos jogadores ofensivamente ajudava. Porque na época passada e na presente parece que vai ser muito difícil novamente ter sucesso desportivo.
    Muito bem o sporting com a aposta no Amorim, e com o rumo que está a dar ao clube.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*