O rei das assistências a caminho do SL Benfica?

white corner field line on artificial green grass of soccer field
Antes de mais importará perceber como foram as assistências. Da mesma forma que importava antes ao Sporting perceber a forma como o insípido Héldon chegava aos golos se foi esse o critério principal para se ter avançado para a sua contratação. E se não foi, que critério terá sido..? Provavelmente o mesmo que levará o Benfica a avançar para Candeias…?
O extremo português é um jogador que encaixa bem onde está. Um jogador interessante para um clube de média dimensão. Tal como Héldon. Está todavia bastante longe de poder ter qualidade para um grande em Portugal. Sobretudo se jogando como extremo, esse grande seja o Benfica. A equipa mais bem servida na posição em Portugal.
É rápido e é vistoso. Não tem contudo as qualidades técnicas e de decisão necessárias para um modelo como o do Benfica. Não parece o suficientemente capaz em espaços curtos e em decisões rápidas. É  um retrocesso voltar às apostas com base em perfis físicos.
Paolo Maldini
Sobre Paolo Maldini 3333 artigos
Criador do "Lateral Esquerdo", tendo sido como Treinador Principal, Campeão Nacional Português (2x), vencedor da Taça de Portugal (2x), e da Supertaça de Futebol Feminino, em três anos de futebol feminino. Treinador vencedor do Galardão de Mérito José Maria Pedroto - Treinador do ano para a ANTF (Associação Nacional de Treinadores de Futebol), e nomeado para as Quinas de Ouro (Prémio da Federação Portuguesa de Futebol), como melhor Treinador português no Futebol Feminino. Experiência como Professor de Futebol no Estádio Universitário de Lisboa, palestrante em diversas Universidades de Desporto, e entidades creditadas pelo Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ). Autor do livro "Construir uma Equipa Campeã" da PrimeBooks. Analista de futebol na TV e no Jornal Record.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*