Curtas sobre a primeira convocatória de Fernando Santos

Desde sempre afirmamos que na selecção interessa estarem os melhores, a cada momento. O critério único para a escolha dos protagonistas deverá ser a qualidade superior para emprestar às cores nacionais. Idades e estatutos contam zero. Sem esquecer que os melhores de hoje podem não o ser amanhã.
Mais. O regresso de R.Carvalho e Tiago. São efectivamente dois jogadores que ainda apresentam mais qualidade que os restantes candidatos à sua posição. Danny de volta, como seria expectável, tendo em conta a sua qualidade, criatividade, e a evolução que tem tido ao longo dos anos. João Mário tem sido sem sombra de dúvida o melhor médio português a actuar em Portugal.

Menos. A convocatória de Bruno Alves e Quaresma. São dois jogadores que já mostraram tudo o que têm para oferecer. Sabemos exactamente quais são as suas qualidades e os seus defeitos. Sabemos que o que podem oferecer de positivo é muito pouco, tendo em conta as exigências do jogo. E sem tempo para trabalhar um modelo de jogo de qualidade, sabemos também que mais evidentes ficarão as debilidades e dificuldades desses mesmos jogadores. Bruno Alves e as dificuldades de interpretação da defesa zonal, e a pouca qualidade com bola. Sendo que os seus traços físicos não lhe permitem (ao contrário de outros) disfarçar os seus erros. Quaresma com a tomada de decisão que se conhece. Ainda no último jogo em Alvalade fez mais uma exibição exuberante.

Mais ou menos. Adrien e Cédric. Na ausência de laterais direitos percebe-se que Cédric tenha que ser convocado. Porém, ainda está a anos luz daquilo que A.Almeida pode oferecer ao jogo, não obstante das suas dificuldades técnicas. Adrien é um grande ponto de interrogação. Capaz do melhor e do pior. As suas dificuldades não são técnicas, mas tem grandes dificuldades na interpretação do jogo e pouca, muito pouca mesmo, competência defensiva. As dificuldades defensivas de Adrien ficaram bem evidentes nos dois últimos jogos do Sporting.

Por conhecer. José Fonte e Ivo Pinto.

Paolo Maldini
Sobre Paolo Maldini 3331 artigos
Criador do "Lateral Esquerdo", tendo sido como Treinador Principal, Campeão Nacional Português (2x), vencedor da Taça de Portugal (2x), e da Supertaça de Futebol Feminino, em três anos de futebol feminino. Treinador vencedor do Galardão de Mérito José Maria Pedroto - Treinador do ano para a ANTF (Associação Nacional de Treinadores de Futebol), e nomeado para as Quinas de Ouro (Prémio da Federação Portuguesa de Futebol), como melhor Treinador português no Futebol Feminino. Experiência como Professor de Futebol no Estádio Universitário de Lisboa, palestrante em diversas Universidades de Desporto, e entidades creditadas pelo Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ). Autor do livro "Construir uma Equipa Campeã" da PrimeBooks. Analista de futebol na TV e no Jornal Record.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*