Controlo da profundidade

Não é possível fazer com que Messi desapareça do jogo durante os noventa minutos. Também não é possível controlar por inteiro tanto talento e tanta qualidade na tomada de decisão numa só equipa. Mais difícil ainda será conseguir ferir em organização ou transição ofensiva sem a qualidade técnica e a criatividade que se pede, a quem deve decidir em pouco tempo e com pouco espaço. Porém, Guardiola hoje continua a perder para Messi por trabalhar a última linha para jogar com o fora de jogo. E contra certas equipas, contra certos jogadores, tal é fatal. Hoje percebe-se que é fundamental para qualquer equipa que queira ser sempre ofensiva – que queira jogar com as linhas juntas e subidas, que queira defender com poucos e em transição, que queira defender em igualdade numérica – o controlo dos espaços em largura e em profundidade. A última linha deste Bayern não é trabalhada para retirar o espaço que concede, em alguns momentos, na tentativa de asfixiar o adversário. Não usa a bola como referência e por isso sofre. Sobretudo contra jogadores com cérebro para aguardar pelo timing exacto para meter o passe, e colegas fortíssimos a aproveitar o espaço nas costas. Assim, a última linha fica sempre exposta ao que o adversário apresentar. Controlando a profundidade continua a existir o fora de jogo, e o mesmo continua a ser uma vantagem. A diferença é que surge como consequência do comportamento colectivo de subir ou baixar consoante a bola (coberta ou descoberta) e não como um objectivo.
Paolo Maldini
Sobre Paolo Maldini 3047 artigos

Criador do “Lateral Esquerdo”, tendo sido como Treinador Principal, Campeão Nacional Português (2x), vencedor da Taça de Portugal (2x), e da Supertaça de Futebol Feminino, em três anos de futebol feminino. Treinador vencedor do Galardão de Mérito José Maria Pedroto – Treinador do ano para a ANTF (Associação Nacional de Treinadores de Futebol), e nomeado para as Quinas de Ouro (Prémio da Federação Portuguesa de Futebol), como melhor Treinador português no Futebol Feminino.

Experiência como Professor de Futebol no Estádio Universitário de Lisboa, palestrante em diversas Universidades de Desporto, e entidades creditadas pelo Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ).

Autor do livro “Construir uma Equipa Campeã” da PrimeBooks.

Analista de futebol na TV e no Jornal Record.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*