Na hora da dificuldade… (e destaques individuais)

Sporting foi extremo baixa para receber e lateral estica no corredor vazio no avançado centro que se desloca para lá. O tempo todo. 
Sporting sem criatividade alguma, mesmo com um Benfica a defender bastante mal. Má a articulação da última linha e ao longo de toda a segunda parte até à entrada de Fesja com apenas um médio posicionado para defender (Samaris), já que Renato estava completamente perdido no campo. E ainda assim, com o corredor central no sector médio tão mal posicionado, Sporting sempre a jogar por fora.
Destaques individuais:
MAIS
Mitroglou. O homem do jogo. Segurou, rodou, entregou e marcou. Venceu todos os duelos e aproximou a equipa. A única contratação efectiva do SL Benfica na presente época poderá ser o joker que valerá o troféu!
André Almeida. Não falha um posicionamento. Não falha um equilibrio, uma concentração, uma cobertura. Com bola não acrescenta mas também não perde. Defensivamente a um nível soberbo. E foi sem bola que o Benfica jogou o jogo quase todo.
MENOS
Renato Sanches. Tem um potencial inacreditável. A facilidade que tem para quebrar contenção e linhas é assombrosa. Falta-lhe critério. Sem bola perdeu-se, não ligou com Samaris e descompensou a equipa. Fantástico Rui Vitória a percebê-lo e a tirá-lo de espaço tão vital. Mas mantendo-o pela forma como fisicamente consegue esticar o jogo (importante numa equipa que precisava de respirar longe da sua baliza)
William Carvalho. Primeira parte horrenda. Perdeu sempre sem bola. Só travou em falta. E com bola era alvo muito fácil da pressão encarnada. Perdia ou no limite não perdendo, perdia timing para saída em transição. Na segunda parte sem pressão para decidir, melhor. Mas sempre a optar pelo seguro. Sem atrair, sem jogar dentro. 
Paolo Maldini
Sobre Paolo Maldini 3012 artigos

Criador do “Lateral Esquerdo”, tendo sido como Treinador Principal, Campeão Nacional Português (2x), vencedor da Taça de Portugal (2x), e da Supertaça de Futebol Feminino, em três anos de futebol feminino. Treinador vencedor do Galardão de Mérito José Maria Pedroto – Treinador do ano para a ANTF (Associação Nacional de Treinadores de Futebol), e nomeado para as Quinas de Ouro (Prémio da Federação Portuguesa de Futebol), como melhor Treinador português no Futebol Feminino.

Experiência como Professor de Futebol no Estádio Universitário de Lisboa, palestrante em diversas Universidades de Desporto, e entidades creditadas pelo Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ).

Autor do livro “Construir uma Equipa Campeã” da PrimeBooks.

Analista de futebol na TV e no Jornal Record.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*